Busca avançada
Ano de início
Entree

PreciseDose: desenvolvimento da 1ª plataforma hospitalar de inteligência artificial da América Latina para dosagem de precisão de medicamentos em pacientes

Processo: 19/23086-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de outubro de 2020 - 30 de junho de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Rodolpho de Campos Braga
Beneficiário:Rodolpho de Campos Braga
Empresa:Insilicall Softwares para P&D Ltda
CNAE: Desenvolvimento e licenciamento de programas de computador customizáveis
Consultoria em tecnologia da informação
Atividades profissionais, científicas e técnicas não especificadas anteriormente
Município: São Paulo
Assunto(s):Medicina de precisão  Monitoramento de medicamentos  Fármacos  Dosagem  Biologia computacional  Plataforma (computação)  Inteligência artificial 

Resumo

A Medicina de Precisão combina influências ambientais, bioinformática e informações individualizadas dos pacientes para maior eficiência médica. Novas tecnologias tem se mostrado essenciais no estabelecimento de diferenciais competitivos no campo da medicina. Nesse contexto, a Medicina de Precisão cuida da saúde do paciente de maneira exclusiva, individual, levando em conta todo o seu histórico e analisando cada caso em relação a dados clínicos, genéticos e estilo de vida. O impacto da inteligência artificial (IA) em diferentes setores da economia é um fato notório e as perspectivas de mudanças de cenário em diferentes mercados neste contexto têm sido muito céleres, abrindo novos campos de oportunidades e aplicações. A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) estimava, em 2016, que a IA já sustentava mais 50% das operações financeiras globais, e neste conjuntura, as implicações sociais e econômicas já não são apenas perspectivas em muitos setores da economia. O Fórum Econômico Mundial estima que a quarta revolução industrial deve movimentar US$ 100 trilhões nos próximos 10 anos em todos os setores, indústrias e regiões do mundo. Em paralelo a isso, a ciência tem apontado que os erros de medicação de pacientes em hospitais são um grave problema mundial de saúde, sendo o erro relativo a dosagem de medicamento o mais frequente. A Tecnologia da Informação (TI) em um cenário mundial regido por novas políticas, legislações e guias de boas práticas, permitem o uso dessas ferramentas para auxiliar profissionais da saúde a minimizar erros relacionados à medicação. A proposta apresentada para a chamada PIPE-FAPESP 04/2019, tem como objetivo o desenvolvimento da 1ª Plataforma hospitalar de Inteligência Artificial da América Latina para dosagem de precisão de medicamentos, que pode consolidar um novo diferencial competitivo para as empresas do setor da saúde, maximizando o cuidado com os pacientes, minimizando erros, reduzindo tempo de internação e custos.A utilização dos recursos provenientes dessa proposta será exclusiva para o investimento em capital humano especializado, visando a validação de um protótipo funcional, chamado PreciseDose, idealizado através de uma plataforma para dosagem de precisão e monitoramento de medicamentos para o setor da saúde. A tecnologia será entregue na forma de uma plataforma SaaS (software as a service) para computador e celular, de fácil usabilidade para que não gere dúvidas na utilização pelo profissional de saúde, como preconizado em manual de boas práticas, e pode ser incorporado por médicos e enfermeiros no cuidado com o paciente em hospitais e clínicas especializadas. Para calcular uma dose mais precisa de medicamentos o aplicativo integrará inteligência artificial e big data para relacionar dados de idade, peso, etnia, genética populacional, doenças crônicas e interação medicamentosa. Estes dados são então usados para traçar um perfil completo do paciente, através de modelos farmacocinéticos com amostragem populacional de fármacos clinicamente validados, para auxiliar na tomada de decisão da dose e janela terapêutica ideal do medicamento a ser administrado pelo profissional competente. Com a utilização do PreciseDose e parceiras com player nacionais (ex. Hermes Pardini), a informação de dados de pacientes será utilizada para atualizar continuamente nossos modelos farmacológicos, tornando a plataforma mais inteligente.A indicação da dose otimizada com os melhores parâmetros farmacocinéticos, respeitará limites estabelecidos previamente nos estudos clínicos do medicamento, obedecendo as faixas de dosagem estudadas e aprovadas pelas agências regulatórias competentes. Portanto, a plataforma entregará medicina de precisão para apoiar médicos na tomada de decisão da dosagem de medicamentos, de maneira rápida e intuitiva, garantindo alta qualidade e uma assistência mais segura e personalizada ao paciente. (AU)