Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da capacidade anti-biofilme e anti-cárie da associação da arginina com glicerofosfato de cálcio e fluoreto

Processo: 19/08375-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2020 - 31 de agosto de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Fernanda Lourenção Brighenti
Beneficiário:Fernanda Lourenção Brighenti
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Pesq. associados:Alberto Carlos Botazzo Delbem ; Marcelle Danelon
Assunto(s):Arginina 

Resumo

A cárie dentária é uma doença crônica, multifatorial, resultado da presença de biofilmes e carboidratos fermentáveis. Suprimir a hegemonia de espécies cariogênicas no biofilme dentário pode ser uma alternativa eficaz para o seu controle, o que pode ser atingindo por meio da hidrólise da arginina. O presente estudo está dividido em três etapas. O objetivo da primeira etapa será definir a concentração mais adequada de arginina a ser utilizada na associação com uma fonte solúvel de cálcio e fluoreto. Na segundo etapa, será avaliada a capacidade antibiofilme e anticárie das substâncias isoladas ou em associação utilizando blocos de esmalte ou dentina bovina. Na terceira etapa, serão avaliados os mecanismos de ação envolvidos na atividade antibiofilme e anticárie das substâncias isoladas ou em associação. Será utilizado biofilmes polimicrobianos obtidos a partir da saliva de um doador. Os biofilmes crescerão em um modelo de aderência ativa, utilizando exposição intermitente à sacarose. Na etapa 1, os biofilmes crescerão em discos de vidro, sendo avaliados a composição microbiana e acidogenicidade dos biofilmes obtidos em 16 grupos experimentais. Na etapa 2, serão avaliados a acidogenicidade e a composição microbiana dos biofilmes, além da desmineralização da superfície do esmalte e da profundidade da lesão formada. Na etapa 3, será avaliada a composição química da superfície do esmalte e da dentina, a concentração de polissacarídeos extracelulares insolúveis na matriz do biofilme, a biomassa do biofilme e a concentração de cálcio, flúor e fosfato no fluido do biofilme. Os dados serão analisados com o programa GraphPad Prism versão 3.02. Será realizado um teste de normalidade da distribuição amostral e de homogeneidade das variâncias (p<0,05). (AU)