Busca avançada
Ano de início
Entree

Sistema nervoso central como um alvo do hormônio do crescimento para a regulação de múltiplas funções biológicas

Processo: 20/01318-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de outubro de 2020 - 30 de setembro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia
Pesquisador responsável:Jose Donato Junior
Beneficiário:Jose Donato Junior
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Carlos Roberto Jorge Soares ; Carolina Demarchi Munhoz ; Martin Andreas Metzger ; Monica Roberto Gadelha ; Raphael Escorsim Szawka ; Renata Frazão
Assunto(s):Neurofisiologia  Neuroendocrinologia  Metabolismo  Hipotálamo  Citocinas  Hormônio do crescimento  Sistema nervoso central  Regulação metabólica 

Resumo

O hormônio do crescimento (GH) é secretado pela glândula hipófise anterior e está relacionado com a regulação de diversas funções fisiológicas importantes, como proliferação celular, crescimento tecidual, síntese proteica, metabolismo de carboidratos e lipídios, entre outras. Classicamente, os principais tecidos-alvo do GH são o fígado, músculo esquelético, ossos e tecido adiposo que, em seu conjunto, acreditava-se serem responsáveis pelos principais efeitos biológicos desse hormônio. Contudo, evidências recentes têm indicado que o sistema nervoso central (CNS) também é um tecido-alvo crítico para muitas das funções biológicas do GH que incluem a regulação do metabolismo, controle de funções cognitivas diversas, modulação de comportamentos, ação neurotrófica, entre outras. Parte dessas evidências científicas foi descoberta por nosso grupo de pesquisa que é considerado atualmente referência mundial no estudo sobre a ação do GH sobre o SNC. Essas pesquisas contaram com o apoio financeiro da FAPESP, por meio do Projeto Temático intitulado: "Ação do hormônio do crescimento no sistema nervoso: relevância para as funções neurais e na doença", cuja vigência termina em julho de 2020. A presente proposta visa dar continuidade ao bem-sucedido projeto anterior que resultou, até o presente momento, em mais de 16 publicações científicas sobre a ação do GH ou de sua principal via de sinalização intracelular, que envolve o STAT5, sobre o SNC. Para o presente Auxílio à Pesquisa, propomos um amplo conjunto de 19 subprojetos que irão utilizar ao menos 17 modelos de camundongos geneticamente modificados, juntamente com a injeção de vetores virais in vivo, experimentos farmacológicos em modelos animais, bem como dosagens em seres humanos, a fim de obter mais detalhes sobre os mecanismos de ação e as possíveis funções reguladas pelo GH através de sua ação direta sobre o SNC. Nosso objetivo é redefinir os mecanismos de ação do GH, incluindo o SNC como um alvo importante desse hormônio para a regulação de múltiplas funções biológicas. (AU)