Busca avançada
Ano de início
Entree

Diagnóstico social com mineração de dados

Resumo

Uma das principais características da realidade brasileira é à diversidade existente entre as regiões, estados e municípios. Nos últimos anos, o Brasil teve um avanço significativo na área social, houve melhorias, mas o país ainda sofre com muitos problemas que são difíceis de serem controlados. Violência, criminalidade, educação, moradia, saúde, racismo, fome são alguns dos grandes problemas sociais que atinge o brasileiro. A questão sobre direitos da criança e adolescente tem ocupado espaço significativo na área social desde a criação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Mesmo assim, as crianças e os adolescentes ainda estão desprotegidos, devido a inúmeros fatores da sociedade. Ainda podemos apontar que a pobreza na infância e na adolescência é complexa e tem múltiplas dimensões, que vão além do dinheiro e da legislação (UNICEF, 2019). Tendo em vista esta dificuldade, o diagnóstico é uma das principais demandas das organizações públicas ou da sociedade civil envolvidas na definição de políticas públicas. Um diagnóstico consistente e atualizado possibilita a definição dessas políticas, justifica a demanda de projetos, gera pró-atividade no atendimento social e também permite o planejamento sistemático. Esse projeto de pesquisa tem como objetivo propor uma plataforma de software que auxilie conselhos municipais de direitos, prefeituras e organizações sociais no diagnóstico do atendimento à população das cidades brasileiras, particularmente das crianças e dos adolescentes de forma eficiente. A pesquisa originou-se pela demanda da sociedade civil e organizações envolvidas na definição das políticas públicas, confirmada em projetos de diagnóstico situacional da realidade da criança e adolescente executados recentemente em alguns municípios pela empresa proponente. A principal função do sistema proposto é integrar e visualizar dados de serviços de atendimento à população por meio de mineração de dados para melhorar os resultados do processo de diagnóstico social. A metodologia desta proposta é desenvolvida em três etapas: (1) seleção e integração de dados sociais; (2) mineração de dados; e (3) interpretação dos dados e realização do diagnóstico. Nesse contexto, o sistema trabalha com dados de Data Warehouses compostos por indicadores públicos e locais. Esse trabalho de pesquisa iniciou em 2015 e evoluiu com os resultados da execução dos diagnósticos realizados pela empresa. Recentemente a empresa aplicou classificação de dados usando árvore de decisão (algoritmo C4.5) para a detecção automática de violação dos direitos de criança e adolescente. A aplicação da mineração de dados permitiu a validação dos indicadores e mostrou novas informações sobre o número de violação de direitos da criança e do adolescente. No geral, o projeto contribuiu com o fortalecimento da garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes nos municípios participantes da pesquisa devido aos resultados positivos do diagnóstico realizado. Os diagnósticos realizados resultaram em uma gestão eficaz dos recursos públicos nos municípios atendidos, e aumentou as receitas geradas pela empresa proponente. O próximo passo é a continuação da pesquisa com algoritmos de aprendizado de máquina e a construção de uma plataforma de software inteligente composto por técnicas de mineração de dados pré-programadas para descobrir novas relações entre os dados do diagnóstico social que não podem ser percebidas pelo humano em função da diversidade e complexidade das informações. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)