Busca avançada
Ano de início
Entree

Nutrição para a produção sustentável do tambaqui: tolerância aos carboidratos, efeito poupador de proteína e uso de alimentos alternativos

Processo: 20/08955-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2021 - 31 de janeiro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Convênio/Acordo: FAPEAM
Pesquisador responsável:Leonardo Susumu Takahashi
Beneficiário:Leonardo Susumu Takahashi
Instituição-sede: Centro de Aquicultura (CAUNESP). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Pesq. associados: Amalia Pérez Jiménez ; Erico Luis Hoshiba Takahashi ; Ivan Daniel dos Santos Martins Viegas ; Rodrigo Yukihiro Gimbo
Assunto(s):Carboidratos  Nutrição  Piscicultura  Sustentabilidade 

Resumo

A nutrição é um dos principais desafios na produção de peixes, pois a alimentação corresponde à 70% dos gastos totais. Considerando-se que o preço da ração eleva à medida que se aumenta o teor proteico, a utilização de carboidratos na dieta pode resultar em efeito economizador de proteína. O hábito alimentar frugívoro do tambaqui (Colossoma macropomum) sugere que esta espécie possui mecanismos fisiológicos para a utilização de alimentos ricos em carboidratos, mas que ainda foram pouco explorados. Adicionado a isto, na produção do tambaqui na região amazônica, as rações dependem de matérias-primas de outros estados, com custos elevados, ao mesmo que o Amazonas possui grande geração de resíduos da agroindústria de polpa de frutas que são potenciais ingredientes alternativos para ração de peixes. Neste cenário, esta proposta permitirá a elaboração de dietas economicamente mais interessantes e que propiciem o desenvolvimento saudável dos peixes, tanto nacionalmente, com a utilização de ingredientes convencionais, como regionalmente, com a exploração de subprodutos das agroindústrias da região amazônica. Desta forma, estaremos contribuindo para a cadeia produtiva do tambaqui e com benefícios as demais cadeias agroindustriais regionais. E ao mesmo, a proposta trará contribuições significativas ao entendimento do metabolismo de carboidratos em peixes, pois a maioria dos estudos realizados pela comunidade cientifica internacional se concentra em peixes carnívoros e/ou de clima temperado. O objetivo desta proposta é avaliar a habilidade metabólica do tambaqui em utilizar ingredientes ricos em carboidratos e dietas baseadas no efeito poupador de proteína com ingredientes convencionais e regionais, possibilitando o desenvolvimento de um pacote tecnológico sustentável para a produção desta espécie. Para isto, serão realizados sete ensaios experimentais: 1- Tolerância a diferentes fontes de carboidratos em tambaquis: curva glicêmica e metabolismo intermediário; 2- Estudo das rotas metabólicas de glicose e frutose em juvenis de tambaqui por meio da metabolômica; 3- Valor nutricional de alimentos convencionais e alternativos para o tambaqui; 4- Estudo de variáveis bioquímicas e histológicas, conteúdo no trato digestório e microbiota intestinal de tambaquis selvagens; 5- Utilização de ingrediente alternativo na alimentação de tambaqui na fase inicial; 6- Desempenho e metabolismo de juvenis de tambaqui alimentados com dietas contendo diferentes relações proteína digestível:carboidratos amiláceos e 7- Desempenho zootécnico, qualidade do filé e custo da produção com ingredientes convencionais e alternativos para tambaquis destinados a engorda. A realização destes ensaios contribuirá para o desenvolvimento do pacote tecnológico para a cadeia produtiva do tambaqui e o fortalecimento de rede de pesquisa colaborativa entre os estados do Amazonas e de São Paulo, com a consequente formação de recursos humanos qualificados e com maturidade científica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)