Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da taxa de crescimento pós-desmama e da condição sexual sobre desempenho, composição de carcaça, qualidade da carne e metabolismo muscular pós-morte de bovinos Nelore jovens abatidos com mesmo acabamento de carcaça

Resumo

A castração cirúrgica é uma prática utilizada há décadas na atividade pecuária. Porém, nos últimos anos esse procedimento tem sido questionado por não atender a questões de bem-estar animal. Por outro lado, o uso de animais não-castrados para produção de carne tem sido uma prática crescente, por serem mais eficientes na transformação de alimento em proteína (músculo) de alto valor biológico. Em contrapartida, animais não-castrados têm um temperamento mais agressivo (dificultando o manejo) e depositam menos gordura na carcaça, prejudicando a qualidade da carne. Recentemente foram desenvolvidos produtos que possibilitam a castração imunológica dos animais, além de atender às questões de bem-estar animal, favorecem também a deposição de gordura, gerando impacto positivo na qualidade carne. Diversos trabalhos já avaliaram os efeitos da castração (cirúrgica principalmente) sobre o desempenho e a qualidade da carne, porém estudos relacionados a imunocastração ainda são escassos e com resultados controversos. Desta forma, este trabalho será realizado com o objetivo de avaliar o impacto da recria (intensiva/extensiva) e da condição sexual sobre o crescimento, o desempenho, as características de carcaça, a qualidade de carne e o metabolismo pós-morte de bovinos Nelore, abatidos jovens (<24 meses) e com mesmo grau de acabamento (5-6 mm de gordura subcutânea). Nossa hipótese é que animais recriados de forma intensiva, independente da condição sexual e confinados com dietas de alta energia e abatidos jovens não apresentam diferenças em relação a qualidade final a carne. Para isso, serão utilizados 72 bovinos machos da raça Nelore, com peso médio inicial de 200 ± 30kg e idade média de 9 meses. Durante o período de recria, os animais serão selecionados de acordo com o peso inicial e divididos em dois grupos: 1) SUPL - 36 animais serão mantidos em pastagem e receberão suplemento proteico-energético para atingir um ganho médio diário de aproximadamente 0,7 kg/dia; 2) CONT - 36 animais serão mantidos em pastagem, recebendo apenas suplemento mineral, visando um ganho médio diário de 0,3 kg/dia. Os animais permanecerão no pasto por aproximadamente 9 meses, sendo que todos os animais de cada tratamento permanecerão em um mesmo piquete. Sessenta dias antes do início do confinamento, 24 animais de ambos tratamentos (SUPL e CONT) serão castrados cirurgicamente, como também, 24 animais dos tratamentos SUPL e CONT serão imunocastrados (2 doses de vacina de imunocastração, sendo a primeira aplicada 30 dias antes do início do confinamento e a segunda dose no início do confinamento), enquanto outros 24 não serão castrados. Posteriormente, os animais serão transferidos para o confinamento e alimentados com dieta de alto concentrado (80%) até atingirem 5-6mm de espessura de gordura subcutânea, medida por ultrassom, quando serão abatidos, para avaliação de características de carcaça e qualidade de carne. Durante a fase de recria e terminação em confinamento serão realizadas pesagens, avaliações por ultrassonografia e coleta de sangue (avaliações de testosterona e cortisol) e avaliações de temperamento, periodicamente. No período de confinamento será avaliado o consumo diário individual. Após o abate serão avaliados o peso e rendimentos dos cortes comerciais, características de qualidade (cor, força de cisalhamento e perdas por cocção), análise sensorial, metabolismo pós-morte e degradação de proteínas miofibrilares. A realização deste trabalho trará informações relevantes para a cadeia da carne como um todo e também para a comunidade científica, uma vez que esse tema é de grande interesse e os resultados têm grande potencial para serem publicados em revistas científicas de grande impacto na área. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)