Busca avançada
Ano de início
Entree

Treinamento excêntrico em diferentes intensidades associado à restrição de fluxo sanguíneo influencia respostas autonômicas, celulares, funcionais e clínicas?: um ensaio clínico controlado randomizado

Resumo

Estudos sobre o treinamento resistido de baixa intensidade associado à restrição de fluxo sanguíneo (RFS) tem ganhado destaque nos últimos anos, porém ainda existem lacunas que podem ser exploradas em relação aos seus efeitos fisiológicos quando associado a treinamentos excêntricos, além da relação dose-resposta hemodinâmica e autonômica da RFS associada às diferentes intensidades de treinamento na recuperação pós-exercício. Desta forma, a partir dessa exploração, torna-se relevante a investigação do treinamento excêntrico associado a RFS. Objetivo: o objetivo primário do estudo será avaliar o comportamento dos parâmetros hemodinâmicos, autonômicos e as adaptações celulares durante as sessões e após seis semanas de TR excêntrico de extensores de joelho de alta e baixa intensidade associado ou não à RFS em jovens. E os objetivos secundários serão: i) avaliar a eficácia do TR excêntrico de extensores de joelho de alta e baixa intensidade associado ou não à RFS na força, hipertrofia e desempenho funcional de jovens e, ii) analisar os parâmetros clínicos, perceptivos e recuperativos durante e após o TR excêntrico de alta e baixa intensidade associado ou não à RFS em jovens. Método: trata-se de um ensaio clínico controlado randomizado incluindo 60 homens, com faixa etária entre 18 e 35 anos, randomizados em quatro grupos de acordo com a intensidade do exercício e RFS, sendo eles: 80% sem RFS, 40% sem RFS, 80% com RFS e 40% com RFS. A intensidade do exercício será determinada pelo pico de torque excêntrico avaliado pelo dinamômetro isocinético e a RFS será determinada como 40% da pressão necessária para a restrição completa do fluxo sanguíneo sendo avaliada pelo Doppler. O participante irá realizar um programa de treinamento excêntrico do músculo quadríceps no dinamômetro isocinético com duração de seis semanas e os desfechos de variabilidade da frequência cardíaca (VFC) analisados no domínio do tempo (mean RR, rMSSD e SDNN), domínio da frequência (LF e HF [nu e ms2]) e plot de Poincaré (SD1 e SD2), parâmetros hemodinâmicos (frequência cardíaca, pressão arterial sistólica e diastólica, frequência respiratória, saturação de oxigênio e duplo produto), integridade celular (resistência, reatância e ângulo de fase pela bioimpedância elétrica [BIA]), força muscular (pico de torque excêntrico, concêntrico e isométrico), estrutura muscular (ultrassonografia), teste funcional (Single Leg Hop Test) e percepção subjetiva de dor, de esforço e de recuperação serão avaliados uma semana antes, na quarta semana e uma semana após o fim do programa de treinamento. Além disso, marcadores clínicos de dor, percepção de esforço e de recuperação serão investigados diariamente antes e após a sessão. E por fim, será realizada análise da recuperação pós-exercício por meio da frequência cardíaca de recuperação (FCR) no 1º (FCR1) e 2º (FCR2) minuto, rMSSD de 30 segundos, parâmetros hemodinâmicos, índices da VFC e análise segmentar e global da BIA. Será utilizado o método estatístico descritivo e a comparação entre os momentos e grupos será realizada por meio da técnica de análise de variância para modelo de medidas repetidas no esquema de dois fatores seguida de testes post hoc. O nível de significância será de p<0,05. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEMOS, LEONARDO KESROUANI; TEIXEIRA FILHO, CARLOS ALBERTO TOLEDO; DOS SANTOS, FERNANDA SANTANA; BIRAL, TAISE MENDES; CAVINA, ALLYSIE PRISCILLA DE SOUZA; PIZZO JUNIOR, EDUARDO; DAMASCENO, SILAS DE OLIVEIRA; VENDRAME, JULIA WASZCZUK; PASTRE, CARLOS MARCELO; VANDERLEI, FRANCIELE MARQUES. Autonomic and cardiovascular responses on post-eccentric exercise recovery with blood flow restriction at different loads: Randomized controlled trial. EUROPEAN JOURNAL OF INTEGRATIVE MEDICINE, v. 53, p. 9-pg., . (20/12239-1, 20/13143-8)
LEMOS, LEONARDO KESROUANI; TOLEDO TEIXEIRA FILHO, CARLOS ALBERTO; BIRAL, TAISE MENDES; DE SOUZA CAVINA, ALLYSIE PRISCILLA; PIZZO JUNIOR, EDUARDO; OLIVEIRA DAMASCENO, SILAS DE; VANDERLEI, FRANCIELE MARQUES. Acute effects of resistance exercise with blood flow restriction on cardiovascular response: a meta-analysis. JOURNAL OF COMPARATIVE EFFECTIVENESS RESEARCH, v. 11, n. 11, p. 14-pg., . (20/13143-8)
SANTOS, IGOR F.; LEMOS, LEONARDO K.; BIRAL, TAISE M.; DE CAVINA, ALLYSIE P. S.; PIZZO JUNIOR, EDUARDO; TEIXEIRA FILHO, CARLOS ALBERTO T.; VENDRAME, JULIA WASZCZUK; VANDERLEI, FRANCIELE M.. Relationship between heart rate variability and performance in eccentric training with blood flow restriction. CLINICAL PHYSIOLOGY AND FUNCTIONAL IMAGING, v. 42, n. 5, p. 15-pg., . (20/09419-8, 20/13143-8)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.