Busca avançada
Ano de início
Entree

Modulação autonômica (simpática e parassimpática) das respostas inflamatórias e cardiocirculatórias em situações fisiopatológicas clínicas e experimentais

Resumo

O Sistema Nervoso Autônomo (SNA), simpático e parassimpático, atua na fisiopatogenia de doenças cardiocirculatórias. De uma maneira geral ocorre hiperatividade simpática, em contraposição à atenuação da atividade parassimpática. Tem sido demonstrada interação entre o SNA e os Sistemas Imunes (Inato e Adaptativo), embora os mecanismos envolvidos careçam de melhor documentação. Assim como carece de melhor compreensão a interação entre o SNA e os Sistemas Imunes (Inato e Adaptativo) na fisiopatogenia da Estomatite e da Periodontite, clínicas e experimentais. Além disso, está bem estabelecido que o Corpúsculo Carotídeo, importante mediador do Quimiorreflexo e da Função Autonômica (Simpática e Parassimpática), se apresenta como novo alvo terapêutico para o tratamento de diversas doenças cardiovasculares, metabólicas e respiratórias. Desenvolver protocolos experimentais (Infarto do Miocárdio, Hipertensão Arterial, Insuficiência Cardíaca, Periodontite e Estomatite) e clínicos (Pacientes com Periodontite e Estomatite), com a finalidade de melhor caracterizar a interação entre o SNA e os Sistemas Imunes (Inato e Adaptativo). Experimentalmente serão utilizados ratos (Wistar, Sprague-Dawley e SHR) e camundongos com atenuação (VAChT KD) ou exacerbação (Super VAChT) do transportador vesicular da acetilcolina (VAChT). Clinicamente serão estudados pacientes com Periodontite e Estomatite. (AU)