Busca avançada
Ano de início
Entree

Otimização da concepção e da operação de sistemas de tratamento de esgoto por lodo ativado para futuras instalações de recuperação de recursos hídricos

Resumo

Esta pesquisa tem por objetivo a produção de elementos para a avaliação da viabilidade de se agregar novas tecnologias a uma estação de tratamento de esgoto sanitário pelo processo de lodo ativado. O estudo será desenvolvido em escala real na ETE Itatinga, localizada no Município de São Sebastião do Estado de São Paulo. No subprojeto 1 será estudada a remoção biológica de nitrogênio via nitrificação e desnitrificação simultâneas, controlando-se a idade do lodo e o sistema de fornecimento de ar por sensores de concentração de oxigênio dissolvido (OD), nitrogênio amoniacal (N-NH4+) e nitrato (N-NO3-), e de potencial de óxido-redução instalados nos tanques de aeração. No controle do processo serão incluídas determinações de DQO rapidamente biodegradável, nitrogênio, sólidos em suspensão voláteis (SSV), biologia molecular para os grupos de bactérias nitritantes, nitratantes e desnitrificantes e acumuladoras de fósforo, dentre outras variáveis. Espera-se com este subprojeto, contribuir para o desenvolvimento de uma forma diferenciada de controle operacional que leva à economia de energia para a aeração e que resulta no importante benefício da remoção de nitrogênio do esgoto sanitário. O subprojeto 2 consiste na remoção biológica de fósforo de fluxo lateral agregada a nitrificação e desnitrificação simultâneas (NDSRP). Espera-se com este subprojeto avaliar as condições de alternância necessárias para a remoção de nitrogênio e fósforo e as principais condições operacionais de possibilidade de nitrificação, desnitrificação e remoção de fósforo em um único sistema biológico. Essa alternativa mostrou-se promissora em estudos na Europa para enfrentar os desafios usuais dos processos convencionais de remoção de fósforo. O subprojeto 3 abordará a linha de tratamento de lodo da mesma ETE, procurando-se determinar as melhores condições para adensamento gravitacional assistido quimicamente do excesso de lodo ativado. Serão realizados ensaios de aplicação de polímeros, tendo-se por referência o teor de sólidos a ser obtido no lodo desidratado em decanters centrífugos. Estes lodos das centrífugas serão aplicados em estufas, cujo delineamento experimental foi definido para determinação das melhores condições operacionais para a obtenção de um lodo com um teor de sólidos substancialmente superior. Assim, o volume final a ser transportado e disposto é menor, reduzindo-se custos operacionais. Além disso, será investigado o fato desse tratamento adicional resultar em lodo classe A de acordo com a Resolução CONAMA 375/2006, tornando-o apto para uso agronômico. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)