Busca avançada
Ano de início
Entree

Detecção de disbiose e aumento da permeabilidade intestinal em pacientes com esclerose múltipla surto-remissiva no Brasil

Resumo

A disbiose, associada à ruptura da barreira intestinal e alterações na conexãointestino-cérebro, tem sido associada à esclerose múltipla (EM). Neste estudo,avaliamos a microbiota intestinal em pacientes com EM surto-remissiva (EMSR),recebendo terapias modificadoras da doença (TMD), e correlacionamos estesdados com a dieta, e concentrações séricas de citocinas e zonulina. Amostrasde fezes foram utilizadas para o sequenciamento 16S e PCR em tempo real. Osoro foi utilizado para determinação de citocinas por citometria de fluxo equantificação de zonulina por ELISA. As análises estatísticas foram realizadasaplicando o teste qui-quadrado de Pearson, Mann-Whitney e correlação deSpearman. Detectamos diferenças significativas nos hábitos alimentares, assimcomo na microbiota intestinal nos pacientes com EMSR, com predomínio deAkkermansia muciniphila e Bacteroides vulgatus, e diminuição deBifidobacterium. As concentrações de interleucina-6 estavam diminuídas nospacientes tratados e detectamos aumento da permeabilidade intestinal nospacientes quando comparados aos controles. Concluímos que a dietadesempenhou papel importante na composição da microbiota intestinal, e adisbiose, detectada em pacientes com EMSR pode estar envolvida no aumentoda permeabilidade intestinal, podendo afetar a resposta clínica à TMD. Estudosadicionais são necessários e o intuito é que possamos prever respostasterapêuticas com base em análises individuais do microbioma, e proporintervenções dietéticas, uso de probióticos ou outros moduladores da microbiotacomo terapia adjuvante para aumentar a eficácia terapêutica das TMD. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PELLIZONI, FELIPE PAPA; LEITE, ALINE ZAZERI; RODRIGUES, NATHALIA DE CAMPOS; UBAIZ, MARCELO JORDAO; GONZAGA, MARINA IGNACIO; TAKAOKA, NAUYTA NAOMI CAMPOS; MARIANO, VANIA SAMMARTINO; OMORI, WELLINGTON PINE; PINHEIRO, DANIEL GUARIZ; MATHEUCCI JUNIOR, EUCLIDES; GOMES, ELENI; OLIVEIRA, DE GISLANE LELIS VILELA. Detection of Dysbiosis and Increased Intestinal Permeability in Brazilian Patients with Relapsing-Remitting Multiple Sclerosis. INTERNATIONAL JOURNAL OF ENVIRONMENTAL RESEARCH AND PUBLIC HEALTH, v. 18, n. 9 MAY 2021. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.