Busca avançada
Ano de início
Entree

Saúde e qualidade de vida dos estudantes de medicina brasileiros e sua relação com a formação profissional

Processo: 19/13850-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de agosto de 2021 - 31 de julho de 2026
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Milton de Arruda Martins
Beneficiário:Milton de Arruda Martins
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Carlos Fernando Collares ; Celso Ricardo Fernandes de Carvalho ; Danielle Bivanco de Lima ; Fernanda Magalhães Arantes Costa ; Geraldo Lorenzi Filho ; Helena Borges Martins da Silva Paro ; Itamar de Souza Santos ; Madalena Folque Patricio ; Patrícia Lacerda Bellodi ; Patricia Zen Tempski ; Renata Kobayasi Zelada ; Renata Rocha Barreto Giaxa ; Sylvia Claassen Enns
Assunto(s):Educação médica  Estudantes de medicina  Formação profissional  Promoção da saúde  Qualidade de vida  Autocuidado 

Resumo

O presente Projeto Temático tem por objetivo o desenvolvimento de estudos originais com a finalidade de dar continuidade às pesquisas de nosso grupo que têm se dedicado, há mais de dez anos, ao estudo da saúde e da qualidade de vida de estudantes de medicina e sua influência sobre a formação médica. Intervenções que visem melhorar o ambiente de ensino, a saúde mental e qualidade de vida de estudantes de medicina têm o efeito potencial de aprimorar a formação médica e resultar em melhoria do cuidado à saúde da sociedade. Neste Projeto Temático serão desenvolvidos quatro projetos, que visam preencher lacunas existentes na área do conhecimento. Todos são estudos para aprofundar aspectos da relação entre saúde, qualidade de vida, competências emocionais, identidade profissional e formação acadêmica. A partir de revisão cuidadosa da literatura, evidenciamos que nenhum dos estudos propostos foi realizado anteriormente. Todos os quatro estudos têm desenho original e podem contribuir de forma substancial para área do conhecimento e para o aperfeiçoamento da formação médica.1. Fatores preditivos de qualidade de vida, satisfação profissional e formação pós-graduada - Avaliaremos 2.500 médicos que responderam aos 14 questionários do projeto VERAS (Vida do estudante e do residente da área da saúde) quando estudantes de medicina para estabelecer os fatores que podem prever qualidade de vida, satisfação com a profissão, altruísmo e desempenho profissional.2. Estudaremos a relação entre sono, atividade física, ansiedade, depressão, qualidade de vida e desempenho acadêmico em 600 estudantes de medicina de cinco cursos de medicina da região metropolitana de São Paulo, com a quantificação exata de sono e atividade física durante um período de uma semana, através de registro de movimentos com colocação de actígrafo.3. Estudaremos o efeito de uma intervenção de 12 semanas com orientações para o autocuidado e desenvolvimento pessoal em 300 estudantes de medicina de cinco cursos de medicina do Estado de São Paulo, com a finalidade de testar o efeito dessa intervenção na qualidade de vida, na saúde mental e no desempenho acadêmico.4. Estudaremos as diferenças na percepção e identificação dos valores da profissão em estudantes de medicina durante o curso médico, em 10 cursos de medicina brasileiros, comparando estudantes de diferentes anos do curso médico, por meio das suas narrativas acerca da escolha pela profissão, sua expectativa futura e valores que cultivam e através da estratégia de relato de incidentes críticos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)