Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da absorção intestinal de colesterol na etiologia da hipercolesterolemia primária

Processo: 21/04366-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2021 - 31 de outubro de 2023
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Eder Carlos Rocha Quintão
Beneficiário:Eder Carlos Rocha Quintão
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Edna Regina Nakandakare ; Marcelo Chiara Bertolami
Assunto(s):Endocrinologia  Colesterol  Ácidos e sais biliares  Hipercolesterolemia  Ezetimiba 

Resumo

Em pessoas saudáveis sabe-se que a ingestão de semelhantes quantidades de colesterol resulta em resposta variável na concentração de colesterol nas lipoproteínas plasmáticas atribuída a diferenças individuais na capacidade de absorver colesterol alimentar e também bloquear sua síntese. Essas variações dependem de fatores genéticos desconhecidos e há sugestões serem mais frequentes e determinantes em casos de hipercolesterolemia familial genética, portanto, não atribuídas aos defeitos clássicos de receptores que caracterizam este defeito genético. Na impossibilidade ética de identificar os casos hiper-responsivos ao colesterol alimentar promovendo sua ingestão, propomos reconhecer essas interferências genéticas bloqueando a absorção intestinal de colesterol com o fármaco Ezetimiba que atua no receptor intestinal de absorção de colesterol (NPC1L1). A utilidade prática deste conhecimento é a possibilidade de reduzir a hipercolesterolemia atuando principalmente, na absorção intestinal de colesterol. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)