Busca avançada
Ano de início
Entree

Centro para Pesquisa em Imuno-Oncologia (CRIO)

Processo: 21/00408-6
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Programa Centros de Pesquisa em Engenharia
Vigência: 01 de julho de 2022 - 30 de junho de 2027
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Convênio/Acordo: GlaxoSmithKline
Pesquisador responsável:Kenneth John Gollob
Beneficiário:Kenneth John Gollob
Instituição Sede: Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEPAE). Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein (SBIBAE). São Paulo , SP, Brasil
Empresas Sedes:Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein (SBIBAE). Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEPAE)
Glaxosmithkline Brasil Ltda
Município: Rio de JaneiroSão Paulo
Pesquisadores principais:
Dirce Maria Carraro ; Emmanuel Dias-Neto ; Israel Tojal da Silva ; José Carlos Farias Alves Filho
Pesquisadores associados:Amanda Braga de Figueiredo ; Carlos Wagner de Souza Wanderley ; Celso Abdon Lopes de Mello ; Clóvis Antonio Lopes Pinto ; Diana Noronha Nunes ; Fernando Cotait Maluf ; Fernando de Queiroz Cunha ; Giovana Tardin Torrezan ; Glaucia Noeli Maroso Hajj ; Gustavo Schvartsman ; Helano Carioca Freitas ; Jefferson Luiz Gross ; João Bosco de Oliveira Filho ; João Renato Rebello Pinho ; Leandro Machado Colli ; Luiz Paulo Kowalski ; Maria Paula Curado ; Paulo Vidal Campregher ; Rachel Simões Pimenta Riechelmann ; Samuel Aguiar Junior ; Sergio Eduardo Alonso Araujo ; Thiago Bueno de Oliveira ; Thiago Mattar Cunha ; Tiago Góss dos Santos ; Vilma Regina Martins
Bolsa(s) vinculada(s):22/13887-2 - Desenvolvimento de abordagens multiômicas e pipelines para descoberta de biomarcadores e elucidação de mecanismos imunológicos relacionados ao resultado do tratamento em pacientes com câncer., BP.PD
22/11149-4 - Regulação da resposta imune específica do câncer via modulação de macrófagos associados ao tumor (TAMs) e células T reguladoras (Tregs), BP.PD
22/13405-8 - Processamento de fezes e tecidos tumorais para análise de microbiota, BP.TT
22/11151-9 - Explorando o papel da rede de DNA liberada por neutrófilos (NETs) e do complexo SWI/SNF na regulação da resposta imune anti-tumoral, BP.PD
Assunto(s):Imunoterapia  Imuno-oncologia  Inibidores de checkpoint imunológico  Imunorregulação  Institutos de pesquisa 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Cancer Immunology | Checkpoint inhibitors | Immunology | Immunology-oncology | Immunoregulation | Immunotherapy | Immuno-oncology

Resumo

Terapias baseadas em componentes do sistema imune, como os inibidores de checkpoint, provaram serem eficazes em vários tipos de câncer e o impacto potencial que novos alvos de imuno-oncologia podem ter na indução de respostas antitumorais, seja como monoterapia, ou como terapias de combinação/adjuvante é promissor. Assim, nosso foco científico central é descobrir e validar alvos imunorreguladores com potencial para induzir fortes respostas antitumorais. Por meio da criação do Centro de Pesquisa em Imuno-Oncologia (CRIO), iremos: 1) implementar um programa de pesquisa multidisciplinar para descoberta e validação de alvos baseados em imuno-oncologia por meio de uma equipe de especialistas do AC Camargo Cancer Center e da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - Universidade de São Paulo, juntamente com outros parceiros nacionais e internacionais; 2) criar uma plataforma de transferência de tecnologia liderada por pesquisadores e advogados especialistas em transferência de tecnologia, para promover os candidatos mais promissores; e 3) implementar um robusto programa educacional e social de transferência de conhecimento, liderado por especialistas em educação e comunicação. Nosso objetivo é fornecer vários novos alvos baseados em imuno-oncologia, pré-clinicamente validados, através da implementação de uma variedade de abordagens multidisciplinares. Para atingir este objetivo, o CRIO será composto por 5 planos de trabalho (WPs). 1) WP1 - identificação de alvos baseada em mecanismo que visa estabelecer estudos in vitro e in vivo abrangentes para selecionar novos alvos para melhorar a resposta antitumoral. O WP1 será desenvolvido em duas frentes de investigação: A) direcionamento de células imunes para conduzir respostas imunes antitumorais com foco na modulação das vias de sinalização e fatores epigenéticos de macrófagos associados a tumores, Tregs, neutrófilos e células T CD8; e B) direcionar células tumorais para conduzir a resposta imune antitumoral com foco na exploração do complexo SWI/SNF e na modulação de enzimas esteroidogênicas inibidoras. 2) WP2 - estratégia não direcionada de identificação de alvos multiômicos com foco na descoberta de novos alvos imunomoduladores em modelos animais genéticos e em coortes prospectivas e retrospectivas de pacientes com câncer de cólon, pulmão e cavidade oral. 3) WP3 - fase de validação onde os alvos identificados em WP1 e WP2 serão confirmados através de sistemas de inovadores modelos pré-clínicos in vitro e in vivo. WP4 - transferência de tecnologia; o CRIO implementará um plano de transferência de tecnologia projetado para transferir candidatos promissores para o setor farmacêutico em consulta com a GSK e as instituições parceiras do Centro. O CRIO também dedicará esforços para promover a educação e a disseminação do conhecimento por meio da implementação do WP5. Eles se concentrarão nos níveis de ensino médio, graduação e pós-graduação, bem como na criação de uma maior conscientização pública. Este projeto usa uma abordagem inovadora para conduzir a descoberta de alvos fisiologicamente relevantes usando poderosos modelos animais e coortes de pacientes, seguida por estágios de validação usando ensaios de triagem de células tumorais e imunes in vitro (organoide, microchips) e in vivo (PDX humano, camundongos imunologicamente reconstituídos, modelos de camundongos de tumorais espontâneos e singênicos e camundongos Cre/LoxP) para melhor comprovar a atividade antitumoral. Esta amplitude de novas abordagens multidisciplinares, alinhadas com um tema comum de descoberta de alvos imunorreguladores, proporcionará novas oportunidades para pacientes com câncer. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)