Busca avançada
Ano de início
Entree

Microplásticos em água e sedimentos no estuário do Rio Amazonas (AmazonMicroplast)

Resumo

Microplásticos (MPs) são poluentes emergentes encontrados em todos os tipos de ambientes. A presença de MPs em ambientes aquáticos continentais tem sido reportada apenas nos últimos dez anos na literatura científica, com crescimento exponencial principalmente nos últimos cinco anos. No Brasil, ainda há poucos estudos publicados para esses ambientes, principalmente em água e sedimento. Embora o Rio Amazonas tenha grande capacidade de autodepuração em função de seu porte e características hidrológicas, estudo na Corrente Equatorial Norte apontou que a maior concentração de alguns aditivos plásticos estão justamente na região da pluma do Amazonas no Atlântico Norte. Este projeto atuará na fronteira do conhecimento da área, abordando a presença de MPs no baixo estuário do Rio Amazonas e o papel de tais MPs como vetores de metais em ambientes aquáticos, com os seguintes objetivos: (i) detectar a presença de MPs no baixo estuário do Rio Amazonas, caracterizando-os de acordo com suas propriedades físicas e químicas; (ii) estimar a quantidade de MPs na coluna d'água e sedimentos em dois períodos sazonais distintos, verificando eventuais diferenças espaciais e temporais; (iii) relacionar os resultados deste projeto a dados hidrodinâmicos a serem obtidos em projetos de pesquisa parceiros; (iv) avaliar o papel dos microplásticos presentes no baixo estuário do Rio Amazonas como transportadores de metais. Serão analisadas 52 amostras de água (12 de superfície e 40 em diferentes níveis de profundidade) e 12 amostras de sedimento, coletadas em dezembro/21 e julho/22 durante a baixamar no Canal Norte e Canal Sul, nos arredores de Macapá (AP). As coletas serão executadas por projetos parceiros financiados pela Fapesp. O processamento e análise de amostras seguirá os métodos recomendados na literatura, executados com protocolos de controle de qualidade. Os resultados deverão ampliar a compreensão sobre a relação entre grandes sistemas fluviais e oceano no aspecto da poluição por MPs, além de servir como referência para realização de estudos envolvendo a distribuição e dispersão de MPs em sistemas fluviais. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)