Busca avançada
Ano de início
Entree

Vesículas extracelulares fúngicas: imunomodulação e comunicação celular

Processo: 21/06794-5
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Jovens Pesquisadores - Fase 2
Vigência: 01 de setembro de 2022 - 31 de agosto de 2027
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Fausto Bruno dos Reis Almeida
Beneficiário:Fausto Bruno dos Reis Almeida
Instituição Sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Gustavo Henrique Goldman ; Marcio Lourenço Rodrigues
Vinculado ao auxílio:16/03322-7 - Papel de galectina-3 na infecção por Cryptococcus neoformans, AP.JP
Auxílios(s) vinculado(s):23/14798-6 - Caracterização e papel das vesículas extracelulares de células infectadas pelo vírus da Influenza Aviária na modulação da resposta imune, AP.R SPRINT
Bolsa(s) vinculada(s):24/01074-2 - Papel imunorregulador das vesículas extracelulares de Candida albicans e Aspergillus fumigatus, BP.MS
23/12634-6 - Vesículas extracelulares como mediadores na comunicação interespécie entre fungos, BP.IC
23/14259-8 - Papel das vesículas extracelulares produzidas por Cryptococcus neoformans na comunicação celular, BP.IC
23/05800-7 - Papel das vesículas extracelulares fúngicas durante a comunicação celular, BP.PD
22/08432-6 - Papel das Vesículas Extracelulares produzidas por Candida haemulonii na patogênese e multirresistência fúngica, BP.DR
Assunto(s):Vesículas extracelulares  Imunomodulação  Micoses  Comunicação celular 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Imunomodulação | Infecções fúngicas | vesículas extracelulares | Vesículas extracelulares

Resumo

As Vesículas Extracelulares (VEs) desempenham um importante papel nos sistemas de exportação de moléculas. Elas atuam como veículos para a transferência de complexas cargas com amplas funções biológicas. As VEs cruzam a parede celular do fungo para alcançar o espaço extracelular e transportar os principais fatores de virulência, contribuindo para o sucesso da infecção fúngica. Uma vez que tivemos o projeto jovem pesquisador FAPESP fase 1, nosso grupo demonstrou que VEs fúngicas exercem importantes funções imunomoduladoras durante as interações fungo-hospedeiro e medeiam a comunicação celular intra espécie. Além disso, verificamos que VEs fúngicas também podem desempenhar papéis cruciais em relação à comunicação celular entre diferentes espécies. Essas observações motivam a proposta de estudar a comunicação celular interespécie de fungos e entender melhor o papel dos VEs fúngicas na imunomodulação e na comunicação celular. Mais especificamente, propomos fazer os seguintes objetivos: (1) esclarecer as propriedades imunomoduladoras de VEs produzidas por C. neoformans, P. brasiliensis, A. fumigatus e C. albicans; (2) dissecar as interações responsáveis das VEs produzidas por C. neoformans, P. brasiliensis, A. fumigatus e C. albicans na comunicação intra e interespécies por meio de diferentes abordagens. Nossa expectativa é que VEs fúngicas sejam responsáveis por importantes funções no processo de infecção fúngica. Assim, o desenvolvimento desta fase 2 do projeto jovem pesquisador FAPESP consolidará a linha de pesquisa de VEs iniciada pela FAPESP e proporcionará oportunidades para o desenvolvimento de novas estratégias contra infecções fúngicas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FREITAS, MATEUS SILVEIRA; BITENCOURT, TAMIRES APARECIDA; REZENDE, CAROLINE PATINI; MARTINS, NUBIA SABRINA; DOURADO, THALES DE MILETO HENRIQUE; TIRAPELLI, CARLOS R.; ALMEIDA, FAUSTO. Aspergillus fumigatus Extracellular Vesicles Display Increased Galleria mellonella Survival but Partial Pro-Inflammatory Response by Macrophages. JOURNAL OF FUNGI, v. 9, n. 5, p. 15-pg., . (21/06794-5, 19/22454-0)
OLIVEIRA, BIANCA T. M.; DOURADO, THALES M. H.; SANTOS, PATRICK W. S.; BITENCOURT, TAMIRES A.; TIRAPELLI, CARLOS R.; COLOMBO, ARNALDO L.; ALMEIDA, FAUSTO. Extracellular Vesicles from Candida haemulonii var. vulnera Modulate Macrophage Oxidative Burst. JOURNAL OF FUNGI, v. 9, n. 5, p. 15-pg., . (21/06794-5, 20/02841-6, 22/08432-6)
MARTINS-SANTANA, LEONARDO; REZENDE, CAROLINE PATINI; ROSSI, ANTONIO; MARTINEZ-ROSSI, NILCE MARIA; ALMEIDA, FAUSTO. Addressing Microbial Resistance Worldwide: Challenges over Controlling Life-Threatening Fungal Infections. PATHOGENS, v. 12, n. 2, p. 15-pg., . (21/06794-5, 19/22596-9, 21/10255-2, 20/03215-1)
BITENCOURT, TAMIRES A.; PESSONI, ANDRE M.; OLIVEIRA, BIANCA T. M.; ALVES, LYSANGELA R.; ALMEIDA, FAUSTO. The RNA Content of Fungal Extracellular Vesicles: At the "Cutting-Edge" of Pathophysiology Regulation. CELLS, v. 11, n. 14, p. 11-pg., . (19/02504-2, 19/23801-5, 21/06794-5, 20/02841-6)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.