Busca avançada
Ano de início
Entree

Combinação de componentes fitoterápicos (cinamaldeído, carvacrol, timol) e ácido butírico na alimentação de frangos de corte: impacto nos parâmetros de desempenho, hematologia, qualidade de carne, microbiota e morfologia intestinal

Processo: 22/11701-9
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2023 - 31 de janeiro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Valquíria Cação Cruz-Polycarpo
Beneficiário:Valquíria Cação Cruz-Polycarpo
Instituição Sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Tecnológicas. Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Dracena. Dracena , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Bárbara Fernanda da Silva Barbosa ; Gustavo Do Valle Polycarpo ; Jaqueline Dalbello Biller Takahashi ; Ramon Diniz Malheiros
Assunto(s):Avicultura  Produtos com ação antimicrobiana  Extratos vegetais  Ácidos orgânicos  Hematologia  Imunologia  Microbiota  Medicamentos fitoterápicos  Ácido butírico  Alimentação animal  Frangos de corte  Qualidade da carne 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:ação antimicrobiana | Ácido Orgânico | extratos vegetais | Imunologia | Microbiota | trato gastrintestinal | Avicultura

Resumo

A preocupação com a segurança alimentar, assim como o impacto de resíduos químicos dos alimentos na saúde humana tem aumentado gradativamente nos últimos anos, fazendo com que a indústria de produção animal busque soluções significativas e sofra grandes transformações. O uso prolongado de antibióticos na alimentação animal pode causar riscos à saúde dos consumidores, visto que, é possível serem encontrados resíduos dos mesmos nos produtos de origem animal destinados ao consumo da população, ou ainda, resistência cruzada com outros antimicrobianos utilizados em terapêutica humana ou de animais. Por isso, são necessários estudos de novos aditivos melhoradores de crescimento que favorecem a microbiota intestinal em substituição ao uso dos antibióticos. Assim, o objetivo deste estudo será avaliar o efeito de óleos essenciais e do ácido butírico combinados ou não, sobre o desempenho zootécnico, morfometria intestinal, peso de órgãos, hematologia, bioquímica sérica, qualidade e status oxidativo da carne, além de caracterizar, por PCR, os microrganismos presentes na microbiota intestinal dos frangos de corte desafiados com vacina de coccidiose. Para isso, será conduzido um estudo em que serão utilizados 900 pintos de corte machos, distribuídos em DIC, com seis tratamentos: T1 - aves não desafiadas, ração basal (RB) (dieta à base de milho e soja); T2- aves desafiadas (D), RB; T3- D, RB com inclusão de avilamicina; T4- D, RB com inclusão de cinamaldeído, carvacrol e timol; T5- D, RB com inclusão de glicerídeos de ácido butírico; T6- D, RB com inclusão de cinamaldeído, carvacrol e timol + glicerídeos de ácido butírico, e cinco repetições. Aos 14 dias de idade, as aves (T2 a T6) serão desafiadas com vacina de coccidiose via oral. Serão coletados dados de desempenho para os períodos acumulados de 1 a 21, 1 a 35 e 1 a 42 dias de idade. Aos 21 e 35 dias de idade serão colhidos segmentos do duodeno e jejuno para as análises morfométricas e obtidos dados de peso de órgãos, comprimento dos intestinos delgado e grosso e pH do conteúdo intestinal. Nestas mesmas idades serão colhidos 3mL de sangue para a realização de análises séricas e imunológicas e coletados os peitos para análise de qualidade e status oxidativo da carne. Aos 21 dias de idade amostras de intestino de cinco aves/tratamento serão coletadas para análise da microbiota presente no trato gastrintestinal dos frangos. Antes da vacinação e aos 4, 5, 6, 7 e 14 dias após a vacinação de coccidiose serão coletadas amostras de excretas de cada unidade experimental para contagem de oocistos. Aos 3, 5, 7, 9, 11 e 14 dias após a vacinação, serão avaliados os escores de lesão no intestino delgado de 10 aves/tratamento. Para avaliar a qualidade da cama será mensurado o pH, temperatura e umidade da cama aos 14, 21, 28 e 35 dias de idade das aves. Os dados serão submetidos a ANOVA pelo procedimento GLM e, quando houver efeito significativo, as médias serão comparadas pelo teste de Tukey com 5% de significância. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)