Busca avançada
Ano de início
Entree

Construindo modelos computacionais do metabolismo de Trypanosoma cruzi

Processo: 23/08204-6
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 06 de novembro de 2023 - 24 de novembro de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Ariel Mariano Silber
Beneficiário:Ariel Mariano Silber
Pesquisador visitante: Paul Michels
Inst. do pesquisador visitante: University of Edinburgh, Escócia
Instituição Sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:21/12938-0 - O metabolismo de aminoácidos em Trypanosoma cruzi: uma caixa de ferramentas para sobreviver em ambientes hostis, AP.TEM
Assunto(s):Bioenergética  Metabolismo 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:bioenergética | metabolismo | Trypanosomatídeos | Metabolismo e biologia de sistemas

Resumo

O Trypanosoma cruzi, agente etiológico da doença de Chagas, utiliza aminoácidos, além de carboidratos como fonte de carbono e energia. A literatura evidência a variedade de funções desses aminoácidos. Por exemplo, a prolina (o mais estudado no parasita) participa de: metabolismo energético, osmorregulação, metaciclicogênese, invasão celular, diferenciação de epimastigotas intracelulares para tripomastigotas e resistência a diferentes tipos de estresse, em particular, o oxidativo. Em 2016, em uma visita prévia do Prof. Paul Michels, temos iniciado o desenvolvimento de um modelo matemático que permita realizar uma análise computacional de várias vias em T. cruzi, com foco em uma estratégia de Análise de Controle Metabólico da via da prolina. Esse modelo foi continuado e aperfeiçoado na medida em que novos dados experimentais foram obtidos, e novas ferramentas computacionais foram desenvolvidas. Simultaneamente, o nosso laboratório desenvolveu junto ao grupo do Prof. Jair Siqueira (UCSD, USA) um modelo metabólico de balanço de fluxo de escala genômica, contendo aproximadamente 350 reações para os estágios epimastigota, amastigota e tripomastigota. A visita do Professor Michels de 2016 foi fundamental para dar início a esse projeto, assim como a de 2019 foi extremamente relevante para dar continuidade. Propomos neste caso uma nova visita de um mês de duração para aprimorar o desenvolvimento de ambos os modelos computacionais. Salientamos que, a visita do Prof. Michels é de grande relevância para essas linhas de pesquisa, já que estão sendo executadas fundamentelmente pelo estudante de doutorado Renan Wiegee Ajchian, co-orientado pelo visitante. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)