Busca avançada
Ano de início
Entree

Air Pollution Conference Brazil & 5th CMAS South America

Processo: 23/16480-3
Modalidade de apoio:Auxílio Organização - Reunião Científica
Vigência: 05 de junho de 2024 - 07 de junho de 2024
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Maria de Fátima Andrade
Beneficiário:Maria de Fátima Andrade
Instituição Sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Energia renovável  Aprendizado computacional  Mudança climática  Poluição do ar 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:emissões atmosféricas | energia limpa | machine learning | Modelagem da Qualidade do Ar | Mudanças Climáticas | Políticas de controle de emissões | Poluição do Ar

Resumo

Neste projeto solicitamos recursos para a realização da quinta edição da Conferência Internacional CMAS South America, a qual acontecerá na cidade de São Paulo, de 5 a 7 de junho de 2024, de forma presencial. Haverá ainda, como nos eventos anteriores desta conferência, treinamento em modelagem de qualidade do ar. Entre os dias 1 e 4 de junho será oferecido um treinamento com diferentes modelos numéricos (Modelos CMAQ, SMOKE e CFD) e no dia 8 de junho acontecerá o treinamento com os modelos MUNICH e Street-in-grid. O CMAS (Community Modeling and Analysis System) é uma comunidade científica internacional dedicada a estudos ambientais e modelagem de qualidade do ar. Ele é liderado pelo Institute for Environment da Universidade da Carolina do Norte (UNC) em Chapel Hill, Estados Unidos da América (EUA). Nos EUA, há 22 anos, acontece anualmente o evento The Annual CMAS Conference voltado para a Comunidade científica de todos os continentes, interessada em Modelagem numérica da qualidade do ar (www.cmascenter.org) com apresentação de trabalhos e realização de treinamento em modelagem com SMOKE e CMAQ. Os modelos SMOKE e CMAQ, são os modelos recomendados pela EPA-EUA para tratar poluentes secundários, como o ozônio e MP2,5. Assim como, estas são as ferramentas recomendadas no Brasil para melhoria da qualidade do ar a partir da compreensão da formação dos poluentes secundários. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)