Busca avançada
Ano de início
Entree

Aprimoramento das práticas de gestão do programa de vigilância e controle de arboviroses: desenvolvimento de plataforma de dados integrados utilizando Big Data, modelos de análise e visualização de dados

Processo: 23/10080-3
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa em Políticas Públicas
Vigência: 01 de abril de 2024 - 31 de março de 2028
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Francisco Chiaravalloti Neto
Beneficiário:Francisco Chiaravalloti Neto
Instituição Sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Alexandre Cláudio Botazzo Delbem ; Andreia Francesli Negri ; Antonio Mauro Saraiva ; CAMILA SANTANA DE OLIVEIRA ; FERNANDO AUGUSTO GARCIA ; Francisca Leiliane de Oliveira Mota ; Gabriel Henrique Pavanette ; Gerson Laurindo Barbosa ; Gleice Margarete de Souza Conceição ; Isabela Pires de Almeida ; Leandro Manuel Reis Velloso ; Lidia Maria Reis Santana ; Lucia Vilela Leite Filgueiras ; Manuela Gallo y Sanches ; Márcia Ito ; Maurício Lacerda Nogueira ; Paulo Cesar dos Anjos Gasques ; Pedro Luiz Pizzigatti Corrêa ; Solange Nice Alves de Souza
Assunto(s):Infecções por Arbovirus  Big data  Informática médica 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Arboviroses | big data | informática em saúde | Integração e Visualização de dados | Modelos de Inteligência Artificial | Vigilância epidemiológica e controle | Vigilância e Controle de Arboviroses

Resumo

O projeto busca a partir das políticas Públicas vigentes e em execução relativas ao controle das arboviroses urbanas, promover avanços ao conhecimento e aprimoramento, relativos às análises de dados que buscam melhoria na tomada de decisão em tempo hábil e de forma precisa e efetiva. As diretrizes nacionais definem as responsabilidades com relação às arboviroses urbanas, o Estado acompanha e avalia os municípios para o cumprimento das metas e objetivos estabelecidos, e os municípios por sua vez, dentro de seu território, têm a responsabilidade de gerenciar essa vigilância, bem como investir na sua implementação, estabelecendo indicadores de acompanhamento e avaliação. Uma das premissas do município é facilitar a integração de todas as ações em seu território, incentivando a participação de pessoas e áreas, focando em processos de trabalho na busca de resultados. Considerando que há uma enorme quantidade de dados brutos no município, faz-se necessário, para que as melhores decisões sejam tomadas, que o gestor tenha em mãos informações corretas e de qualidade, e essa informação depende de uma adequada integração entre os bancos que fornecem os dados para análise. Com base nisso, este projeto traz como objetivos a criação de plataforma baseada em tecnologias Big Data que integre funcionalmente as bases de dados relacionadas às arboviroses urbanas, incorporando ferramentas como inteligência artificial e modelos preditivos nas análises de consistência e coerência das informações, além da visualização da informação. O projeto, multidisciplinar e interinstitucional, utilizará métodos qualitativos e quantitativos e ciência dos dados, buscando por padrões e indicadores que serão utilizados na construção de modelos explanatórios e preditivos para orientar as políticas públicas. A metodologia utilizada no projeto será composta por três subtemas: Big Data (integração e gestão de dados); Modelos preditivos e explicativos (avaliação e análise da transmissão de arboviroses); e Área de Infovis (integração e visualização de informações para usuários e gestores). Os resultados científicos que serão obtidos são: plataforma de dados; mapas com o perfil da frequência de transmissão de arboviroses; relação entre transmissão e seus fatores de influência; mapas temáticos de casos de arboviroses representando as taxas de incidência de arboviroses no espaço e no tempo; algoritmos de apoio à decisão; aplicativos para a população; e dashboards para visualização de dados de arboviroses. A divulgação dos resultados será feita em reuniões e seminários com os gestores, mostrando os principais resultados e desafios e discutindo sua aplicação no contexto do programa, além da divulgação através de publicações em periódicos científicos de alto impacto e congressos. A implementação do proposto neste projeto em nível local trará benefícios relativos às inovações de estratégias de vigilância para arboviroses urbanas no município, com a possibilidade, uma vez que bem sucedido, da expansão e incorporação dos produtos obtidos como política pública estadual e federal. A organização do projeto prevê fases com participação ativa das diversas equipes envolvidas em cada uma das fases e sobreposição e troca de conhecimentos durante todo o processo. Com ênfase na multi e interdisciplinaridade, as instituições colaboradoras, trabalharão cada um dentro de sua expertise, direcionando os esforços para as perguntas voltadas aos processos de gestão públicas envolvidos. Assim, a médio e longo prazo pode-se desenvolver um data warehouse integrado de saúde, permitindo consultas e análises avançadas, fornecendo um sofisticado painel de inteligência de saúde para apoiar a elaboração de políticas baseadas em evidências para os processos de gestão pública. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)