Busca avançada
Ano de início
Entree

Rotas de transdução de sinal luminoso e de estress: como otimizar múltiplas respostas para melhorar o rendimento e a qualidade das culturas

Processo: 23/03330-3
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de maio de 2024 - 30 de abril de 2029
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Maria Magdalena Rossi
Beneficiário:Maria Magdalena Rossi
Instituição Sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores principais:
Luciano Freschi
Pesquisadores associados: Alain Goossens ; Javier Francisco Botto ; Rosa M Rivero
Bolsa(s) vinculada(s):24/06426-4 - Transformação Genética de tomateiro, BP.TT
Assunto(s):Fisiologia molecular  Plantas  Solanum lycopersicum  Qualidade nutricional  Óxido nítrico  Estresse 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Light signaling | nitric oxide | nutritional quality | Solanum lycopersicum | stress signaling | yield | Fisiologia Molecular de Plantas

Resumo

Conhecendo o desafio imposto à ciência para garantir a segurança alimentar em tempos de mudanças climáticas, é essencial identificar as variáveis genéticas que modulam a produtividade e a qualidade das culturas, compreender seus mecanismos de ação e avaliar como esses mecanismos são afetados pelas mudanças ambientais. Neste contexto, o objetivo geral desta proposta é estudar fatores comuns envolvidos na transdução do sinal luminoso e do estresse visando otimizar respostas múltiplas para melhorar a produtividade e a qualidade nutricional da matéria-prima alimentar. Utilizando Solanum lycopersicum, uma eudicotiledônea de alto interesse nutricional para a dieta humana, como espécie modelo; este projeto propõe ampliar o conhecimento gerado pelos grupos dos pesquisadores principais sobre a função dos fatores que participam da sinalização luminosa, e sobre o metabolismo de tocoferol, composto antioxidante que protege as células em condições de estresse, Vale ressaltar que o conhecimento e a maior parte do material genético a ser utilizados foram obtidos no âmbito de projetos conjuntos anteriores concedidos pela FAPESP (2016/01128-9 e 2021/05079-0). Para atingir o objetivo, são propostas as seguintes atividades: (i) investigar o papel da transdução do sinal luminoso mediada pelo fitocromo (PHY) e da sinalização do óxido nítrico (NO) nas respostas do tomate a condições de alta temperatura; (ii) investigar o papel da transdução do sinal luminoso mediada por PHY e da sinalização de NO na formação da cutícula do tomateiro; (iii) investigar o papel das proteínas B-box (SlBBX) e seus interatores na resposta de evitação a sombra e estresse biótico; (iv) investigar a ligação entre SlBBXs e a regulação epigenética e; (v) obter plantas com alto teor de tocoferol visando a incrementar a tolerância ao estresse e a qualidade nutricional.Devido à função conservada dos determinantes genéticos estudados, as informações geradas poderão ser transpostas para outras espécies. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)