Busca avançada
Ano de início
Entree

Causas e correlações da variação fisiológica: papel dos gradientes ambientais e comportamentais em diferentes níveis de organização

Processo: 03/01577-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de novembro de 2003 - 30 de abril de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:Carlos Arturo Navas Iannini
Beneficiário:Carlos Arturo Navas Iannini
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores principais:Jose Eduardo Pereira Wilken Bicudo
Bolsa(s) vinculada(s):07/05972-0 - Relação entre os níveis plasmáticos dos hormônios corticosterona e testosterona no comportamento territorial, vocal e construção de ninho no SAPO martelo (Hypsiboas faber), BP.MS
07/56856-0 - Plasticidade fenotípica em relação a temperatura em larvas de Rhinella (Anura: Bufonidae) da Caatinga e da Floresta Atlântica, BP.MS
07/55053-0 - Aspectos da fisiologia metabólica e do desempenho locomotor em anfíbios anuros: implicações da fragmentação ambiental, BP.DR
+ mais bolsas vinculadas 06/52760-5 - Fisiologia da estivação em Pleurodema diplolistris (anura/leptodactylidae), BP.MS
06/52491-4 - Relações hídricas em Bufo (Anura: Bufonidae): participação de aspectos fisiológicos e comportamentais em espécies de Caatinga e Mata Atlântica, BP.IC
04/05469-8 - Alterações nas capacidades metabólicas energéticas em ectotermos: um estudo sobre os efeitos da digestão de presas em serpentes, BP.PD
04/12869-2 - Fragmentação das florestas, distribuição geográfica e evolução fisiológica em anuros neotropicais, BP.PD
04/07171-6 - Limites de tolerância ao estresse hídrico de colônias de Atta sexdens rubropilosa criadas em laboratório, BP.IC
03/02071-0 - Papel das vias glicolíticas na produção de energia durante a vocalização em anfíbios anuros do gênero Scinax gr.perpusillus, BP.IC - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Herpetologia  Metabolismo energético  Evolução animal  Ecologia  Comportamento animal  Anfíbios  Répteis 

Resumo

A fisiologia evolutiva é uma disciplina que integra e fisiologia comparativa com elementos de ecologia, evolução, sistemática e comportamento animal, com o fim de entender como ocorre a evolução dos carateres fisiológicos. Pelo seu carater integrativo, a fisiologia evolutiva ocupa um espaço dominante na discussão sobre adaptação animal e tem sido muito influente nos rumos da fisiologia comparativa contemporânea. Contudo, pelo fato de ser uma disciplina jovem, tanto no conceitual quanto no metodológico, a disciplina exibe ainda questões fundamentais que devem ser estudadas para garantir o progresso da mesma. Um dos assuntos menos entendidos é a natureza da variação fisiológica, pois a fisiologia comparativa tem priorizado a pesquisa sobre medidas de tendência central das variáveis fisiológicas, ao passo que tem ignorado a discussão sobre a variância. Nos estudos fisiológicos, por exemplo, a variação individual, elemento fundamental na visão neodarwinista da evolução por seleção natural, ainda é agrupada freqüentemente junto às fontes de variação não explicada. Entretanto, para entender como a fisiologia evolui, é necessário entender o escopo, origem e implicações da variação fisiológica, a relação entre esta variação e a ecologia dos animais, e o papel de diversas fontes de variação fisiológica nos diferentes níveis de organização nos que esta pode ser detetada. Esta proposta enfoca a variação da fisiologia de tetrápodos em diferentes níveis de organização, visando entender as suas relações com a ecologia, evolução e distribuição dos animais. A proposta gira em torno de cinco perguntas abrangentes e conceitualmente interligadas, a serem estudadas no marco de gradientes ecológico-comportamentais. O estudo da variação da fisiologia ao longo de gradientes ecológicos visa limitar projeto a problemas caraterizados por uma sólida interação entre ecologia, evolução e fisiologia, o que deverá facilitar a contextualização e interpretação dos resultados. Especificamente, as perguntas salientadas são: 1. Qual a contribuição dos ajustes fisiológicos e comportamentais para a expansão distribucional de vertebrados ectotérmicos?; 2. Quais os mecanismos de adaptação fisiológica simultânea a intra-específica e mais de uma variável ecológico-comportamental?; 3. Existe aditividade da variância fisiológica nos ajustes simultâneos a covariáveis ambientais?; 4. Quais as correlações ecológicas da variância fisiológica em diferentes níveis de organização?; 5. Qual o escopo da plasticidade fenotípica e do potencial para diferenciação morfo-fisiológica intra-genérica em vertebrados ectotérmicos? Associados a cada uma destas cinco perguntas, são apresentados propostas de sub-projetos que focalizam em contextos específicos as perguntas em questão. Os modelos selecionados são principalmente tetrápodos ectotérmicos (anfíbios e lagartos), mas alguns projetos específicos utilizam outros modelos animais. A seleção dos sub-projetos e modelos foi norteada principalmente pela sua adequação para esclarecer as cinco perguntas propostas, mas também por outros fatores como experiência previa dos participantes e infra-estrutura disponível. A proposta envolve atividades no campo, pesquisa no laboratório e trabalhos teóricos, e utilizará, quando pertinente, enfoques comparativos formais na análise dos dados. (AU)

Publicações científicas (12)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PRATES, IVAN; ANGILLETA, JR., MICHAEL J.; WILSON, ROBBIE S.; NIEHAUS, AMANDA C.; NAVAS, CARLOS A. Dehydration Hardly Slows Hopping Toads (Rhinella granulosa) from Xeric and Mesic Environments. PHYSIOLOGICAL AND BIOCHEMICAL ZOOLOGY, v. 86, n. 4, p. 451-457, JUL-AUG 2013. Citações Web of Science: 9.
DE ASSIS, VANIA REGINA; NAVAS, CARLOS ARTURO; MENDONCA, MARY T.; GOMES, FERNANDO RIBEIRO. Vocal and territorial behavior in the Smith frog (Hypsiboas faber): Relationships with plasma levels of corticosterone and testosterone. COMPARATIVE BIOCHEMISTRY AND PHYSIOLOGY A-MOLECULAR & INTEGRATIVE PHYSIOLOGY, v. 163, n. 3-4, p. 265-271, NOV 2012. Citações Web of Science: 18.
KOHLSDORF, T.; NAVAS, C. Evolution of form and function: morphophysiological relationships and locomotor performance in tropidurine lizards. JOURNAL OF ZOOLOGY, v. 288, n. 1, p. 41-49, SEP 2012. Citações Web of Science: 10.
BRANDT, RENATA; NAVAS, CARLOS A. Life-History Evolution on Tropidurinae Lizards: Influence of Lineage, Body Size and Climate. PLoS One, v. 6, n. 5 MAY 13 2011. Citações Web of Science: 27.
GRIZANTE, M. B.; NAVAS, C. A.; GARLAND, JR., T.; KOHLSDORF, T. Morphological evolution in Tropidurinae squamates: an integrated view along a continuum of ecological settings. JOURNAL OF EVOLUTIONARY BIOLOGY, v. 23, n. 1, p. 98-111, JAN 2010. Citações Web of Science: 26.
PRATES, IVAN; NAVAS, CARLOS A. Cutaneous Resistance to Evaporative Water Loss in Brazilian Rhinella (Anura: Bufonidae) from Contrasting Environments. Copeia, n. 3, p. 618-622, SEP 3 2009. Citações Web of Science: 20.
RODRIGUEZ-SERRANO, ENRIQUE; NAVAS, CARLOS A.; BOZINOVIC, FRANCISCO. The comparative field body temperature among Liolaemus lizards: Testing the static and the labile hypotheses. Journal of Thermal Biology, v. 34, n. 6, p. 306-309, AUG 2009. Citações Web of Science: 26.
GOMES, F. R.; REZENDE, E. L.; GRIZANTE, M. B.; NAVAS, C. A. The evolution of jumping performance in anurans: morphological correlates and ecological implications. JOURNAL OF EVOLUTIONARY BIOLOGY, v. 22, n. 5, p. 1088-1097, MAY 2009. Citações Web of Science: 52.
KISS, ANA CAROLINA I.; DE CARVALHO, JOSE EDUARDO; NAVAS, CARLOS A.; GOMES, FERNANDO R. Seasonal metabolic changes in a year-round reproductively active subtropical tree-frog (Hypsiboas prasinus). COMPARATIVE BIOCHEMISTRY AND PHYSIOLOGY A-MOLECULAR & INTEGRATIVE PHYSIOLOGY, v. 152, n. 2, p. 182-188, FEB 2009. Citações Web of Science: 14.
RIBEIRO, PEDRO LEITE; NAVAS, CARLOS A. Colony dehydration and water collection by specialized caste in the leaf-cutting ant Atta sexdens rubropilosa. Journal of Insect Behavior, v. 21, n. 6, p. 549-558, NOV 2008. Citações Web of Science: 6.
NAVAS‚ C.A.; CHAUÍ-BERLINCK‚ J.G. Respiratory physiology of high-altitude anurans: 55 years of research on altitude and oxygen. Respiratory Physiology & Neurobiology, v. 158, n. 2, p. 307-313, 2007.
KOHLSDORF‚ T.; NAVAS‚ C.A. Ecological constraints on the evolutionary association between field and preferred temperatures in Tropidurinae lizards. EVOLUTIONARY ECOLOGY, v. 20, n. 6, p. 549-564, 2006.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.