Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de interações hiperfinas pela técnica de correlação angular gama-gama perturbada

Processo: 96/01295-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 1996 - 30 de junho de 1998
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Artur Wilson Carbonari
Beneficiário:Artur Wilson Carbonari
Instituição-sede: Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Hidrogênio  Interações hiperfinas 

Resumo

A técnica de correlação angular gama-gama perturbada será utilizada para a investigação das interações hiperfinas em dois sistemas: a) óxidos perovskitas do tipo ABO3, compostos com uma grande diversidade de propriedades elétricas. Especificamente pretende-se estudar o BaTiO3, dopado com terras raras como o Sr, sistemas do tipo PZT(PbZrxTi1-xO3) e compostos supercondutores de alto Tc; b) a difusão de H2 em sistemas metálicos, especificamente o sistema Rb3M (M= Ti, Zr, Hf, Nb) e a interação de átomos de hidrogênio com impurezas diluídas em matrizes metálicas. Para viabilizar tais estudos é necessária a aquisição de um sistema de refrigeração das amostras em gás He e a atualização de alguns módulos eletrônicos do espectrômetro. (AU)