Busca avançada
Ano de início
Entree

A implantação da Plataforma carbonática Jandaira durante o Neocretáceo da Bacia Potiguar: análise estratigráfica e paleoambiental

Processo: 97/01369-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 1997 - 31 de julho de 2000
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Pesquisador responsável:Joel Carneiro de Castro
Beneficiário:Joel Carneiro de Castro
Instituição-sede: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Sedimentologia  Estratigrafia 

Resumo

Esta pesquisa visa estudar a estratigrafia e paleoecológia das rochas carbonáticas da Formação Jandaíra, Turoniano ao E o campaniano da Bacia Potiguar. A área de estudo inclui toda a Bacia Potiguar emersa, com ênfase para os afloramentos da borda da Chapada do Apodi, dos vales dos rios potiguares mais importantes e das pedreiras de calcário. Serão analisados também dados de sub-superfícies, representados por testemunhos e perfis elétricos de alguns poços da Petrobrás. Este estudo terá três abordagens principais: a definição dos parâmetros paleoecológicos que marcaram a implantação da plataforma carbonática Jandaíra; o estudo da sedimentação mista, sotoposta e lateralmente equivalente à sedimentação carbonálica, e a definição de fácies e sistemas deposicionais arranjados segundo a ótica da estratigrafia de seqüências. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.