Busca avançada
Ano de início
Entree

Mímeses corporea: a poesia do cotidiano

Processo: 96/07455-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de fevereiro de 1997 - 31 de agosto de 2002
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Teatro
Pesquisador responsável:Suzi Frankl Sperber
Beneficiário:Suzi Frankl Sperber
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Desenvolvimento Universitário (PRDU). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):00/00708-3 - Kai Bredholt | Odin Teatret - Dinamarca, AV.EXT
99/10290-7 - A arte de não interpretar como poesia corpórea do ator, PUB.LVR
99/10027-4 - A arte de ator - da Técnica à Representação, PUB.LVR
99/04579-4 - CD-ROM: a arte de não interpretar como poesia corpórea do ator, PUB.LVR
97/03234-8 - Anzu Furukawa Yokoo | Hochschule Fur Bildende Kunste Braunschweig - Alemanha, AV.EXT
Bolsa(s) vinculada(s):99/03905-5 - Mímesis corpórea e a poesia do cotidiano, BP.TT
99/03906-1 - Mímesis corpórea e a poesia do cotidiano, BP.TT
99/03907-8 - Mímesis corpórea e a poesia do cotidiano, BP.TT
+ mais bolsas vinculadas 97/02764-3 - Mímesis corpórea: a poesia do cotidiano, BP.TT
96/09871-7 - O Butoh e a arte de ator: um caminho para a elaboração técnica: Cem Anos de Solidão, BP.TT
97/01022-3 - O Butoh e a arte de ator: um caminho para a elaboração técnica: Cem Anos de Solidão, BP.TT
97/01023-0 - O Butoh e a arte de ator: um caminho para a elaboração técnica: Cem Anos de Solidão, BP.TT - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Representação (artes)  Dança teatral  Dança moderna  Japoneses  Butô  Expressão corporal 

Resumo

O Lume - Núcleo Interdisciplinar de Pesquisas Teatrais - Unicamp vem pesquisando a 12 anos técnicas não-interpretativas de representação para o ator. Acabaram consolidando, durante esse tempo, três linhas básicas de pesquisa: a dança pessoal (termo utilizado para definir a dinamização de energias potenciais do ator), o clown e a utilização cômica do corpo e finalmente a Mímesis Corpórea, que pesquisa a transposição e a teatralização de ações físicas e vocais encontradas no cotidiano. Essa metodologia tem como objetivo, além de codificar e sistematizar uma técnica de representação para o ator, imitar e levar a público as corporeidades do brasileiro. Seu método já foi experimentado de maneira prática em três montagens cênicas com atores-pesquisadores que fazem parte da equipe deste projeto temático: Wolzen, Taucoauaa Panhé mondo pé e contadores de estórias. O núcleo também vem realizando um intercâmbio prático com grupos e profissionais nacionais e internacionais que têm a mesma preocupação da pesquisa da linguagem específica do performer. Dentro dessa filosofia de confrontação de seus métodos de pesquisa, a equipe de atores do Lume vem, desde 1991, intercambiando com atrizes-bailarinas da dança japonesa Butoh. O Butoh é uma manifestação artística cuja principal característica está no processo de elaboração de uma técnica individual do ator-bailarino, o que justifica o confronto com o lume que busca o mesmo objetivo. Anzu Furukawa, atriz-bailarina de Butoh, vem trabalhando em seus últimos espetáculos uma metodologia que tem muitos pontos em comum com a metodologia da Mímesis Corpórea. Sendo assim, esse projeto temático visa o confronto entre essas duas metodologias específicas e recentes: por um lado o processo de imitação dentro do Butoh, desenvolvido pela atriz-bailarina Anzu Furukawa e, por outro, a Mímesis Corpórea, desenvolvida pelos atores-pesquisadores do Lume. Pretende-se também aplicar o resultado desse intercâmbio e desses experimentos em uma montagem cênica cujo universo será baseado no texto de Gabriel García Márquez: Cem Anos de Solidão. Possibilita-se, assim, dar continuidade às pesquisas que já vêm sendo realizadas desde 1990, sobre a corporeidade do brasileiro. Esse trabalho será realizado através de viagens de pesquisa de campo in loco, dos atores pesquisadores, para cidades da Amazônia, buscando coletar e imitar, assim, as ações físicas e vocais dentro do universo específico do texto. (AU)