Busca avançada
Ano de início
Entree

Enantiosseletividade no metabolismo oxidativo do metoprolol em pacientes hipertensos portadores de insuficiência renal crônica e com fenótipo de metabolizadores extensivos da debrisoquina

Processo: 99/00844-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 1999 - 30 de novembro de 2001
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Clínica
Pesquisador responsável:Eduardo Barbosa Coelho
Beneficiário:Eduardo Barbosa Coelho
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Metabolismo  Enantiômeros  Insuficiência renal crônica  Hipertensão  Metoprolol 

Resumo

O presente estudo visa investigar o fenômeno da estereosseletividade nas principais vias de metabolismo do metoprolol administrado de forma racêmica em regime de dose múltipla P.O, a pacientes hipertensos com filtração renal dentro dos limites da normalidade (clearance creatpwina acima de 50 ml/min/1,73 m2) e pacientes hipertensos portadores de insuficiência renal crônica leve a moderada (clearance creatinina >20ml/min/1,73m2 e < 50 ml/min/1,73 m2). Serão realizadas análises farmacocinéticas do metoprolol, alfa-htdroximetoprolol e metabólito ácido do metoprolol e análise da eficácia da droga através de monitorização da pressão arterial e freqüência cardíaca com o uso de monitor ambulatorial não inasivo (mapa). (AU)