Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo sobre os mecanismos imunológicos efetores necessários para o desenvolvimento de vacina contra tuberculose

Processo: 96/01433-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de setembro de 1996 - 31 de maio de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Celio Lopes Silva
Beneficiário:Celio Lopes Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):01/05871-2 - Endougenous versus exogenous antigen presentation for protection against tuberculosis., AR.EXT
00/04970-4 - Identification and characterisation of murine cytotoxic t cells that kill mycobacterium tuberculosis., AR.EXT
98/01106-5 - T cell phenotypic associated with persistent protection against tubercolisis after dna or bcg vaccination., AR.EXT
96/03013-9 - Mycobacterial hsp65 protein originating within the antigen-presenting cells vaccinates mice against tuberculose., AR.EXT
Bolsa(s) vinculada(s):00/09176-4 - Estudos sobre a imunogenicidade da proteína HSP65 de micobactérias, BP.MS
00/08943-1 - Caracterizacao de celulas transfectadas com dna de hsp65: monitoracao do trafico intracelular do plasmideo e da proteina., BP.PD
00/06269-1 - Avaliação da vacina de DNA-hsp65 na indução de artrite experimental, BP.MS
+ mais bolsas vinculadas 00/06270-0 - Estudo sobre a imunogenicidade da proteina plc-a(fosfolipase c) de mycobacterium tuberculosis., BP.MS
99/09852-0 - Avaliacao de moleculas co-estimulatorias e de adesao na tuberculose humana e experimental, antes e apos vacinacao genica., BP.PD
99/05524-9 - Encapsulamento do 3-(4-bromo-[1,1-bifenil]-4-il)-3-(4-bromofenil) -n,n-dimetil-2-propen -1-amina em lipossomas e determinacao da atividade antimicob., BP.PD
99/06992-6 - Avaliação do estado funcional de células natural killer em animais vacinados ou submetidos à imunogeneterapia contra tuberculose, BP.MS
98/10436-9 - Avaliação imunológica de diferentes vias e métodos de administração de vacinas de DNA contra a tuberculose experimental, BP.DR
98/06651-1 - Estudo sobre os mecanismos imunológicos efetores necessários para o desenvolvimento de vacinas contra a tuberculose, BP.TT
96/12222-0 - Estudos sobre a participacao de componentes da parede celular de mycobacterium tuberculosis na resposta inflamatoria., BP.DR
96/08249-0 - Estudo sobre os mecanismos imunológicos efetores necessários para o desenvolvimento de vacina contra a tuberculose, BP.TT - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Vacinas  Imunologia celular  Vacina BCG  Tuberculose  Proteínas recombinantes  Clonagem  Plasmídeos  Linfócitos T 

Resumo

O foco principal desse projeto temático é o desenvolvimento de vacinas genéticas (vacinas de DNA), vetorizadas pelo BCG ou recombinantes de subunidades contra a tuberculose. Inicialmente serão utilizadas proteínas nativas ou recombinantes já conhecidas, assim como dos seus respectivos segmentos gênicos, para a construção dessas novas vacinas. em seguida, os estudos serão conduzidos para fazer a identificação e caracterização de novas proteínas imunogênicas, assim como clonagem dos seus respectivos genes. As moléculas de DNA serão clonadas em plasmídeos especiais, tanto para a superexpressão em E. coli, visando à produção das proteínas recombinantes em escala laboratorial para as vacinas de subunidades, assim como para o desenvolvimento de vacinas genéticas ou vacinas vetorizadas pelo BCG. As vacinas vetorizadas serão implementadas pelo uso do BCG (M. bovis) para a co-expressão de genes heterólogos através de otimização de tecnologia de construção de nossos próprios vetores. Uma vez estabelecidos os antígenos recombinantes, os genes, os plasmídeos, os vetores de expressão e respectivas clonagens, serão realizadas as imunização de camundongos por diferentes vias de inoculação, associados ou não com diversos adjuvantes ou incorporados em lipossomas. Em seguida serão estudados os mecanismos imuno efetores e as células responsáveis por essa proteção, caracterizando em detalhes os isotipos de imunoglobulinas produzidas e as subpopulações e clones de linfócitos T antígenos-específicos e suas especificidades antigênicas. Pretende-se também verificar as frequências de reatividade desses linfócitos, o padrão de secreção de interleucinas, estabelecer as características de citotoxicidade, memória imunológica e a ativação celular quanto a presença de moléculas coestimulatórias. (AU)