Busca avançada
Ano de início
Entree

Grades de Bragg em fibras ópticas: fabricação, caracterização e aplicações em sensores a fibra óptica e telecomunicações

Processo: 99/07519-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 1999 - 30 de setembro de 2001
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Telecomunicações
Pesquisador responsável:Haroldo Takashi Hattori
Beneficiário:Haroldo Takashi Hattori
Instituição-sede: Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). Ministério da Defesa (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):99/10078-8 - Grades de BRAGG em fibras ópticas: fabricação, caracterização e aplicação em sensores à fibra óptica e telecomunicações, BP.TT
Assunto(s):Fibra óptica  Dispositivos ópticos  Sensores ópticos 

Resumo

A pesquisa em grades de Bragg em fibras ópticas no ITA/IEAV - CTA, através do Projeto de Pesquisa proposto neste documento, tem como objetivo desenvolver a tecnologia de fabricação, caracterização e aplicações de grades de Bragg em fibras ópticas tanto em sensores quanto em telecomunicações. Nos últimos anos, grades de Bragg em fibra óptica vêm desempenhando um papel cada vez mais importante em sistemas opto-eletrônicos destinados principalmente à telecomunicações e instrumentação. Sensores de deformação mecânica e de temperatura, baseados em grades de Bragg em fibra óptica, são extremamente convenientes quando aplicados a sistemas de medição, uma vez que, são compactos, imunes à interferências eletromagnéticas, extremamente sensíveis, não necessitam de pares de fios nem para serem polarizados nem para enviarem as respostas medidas, etc. Da mesma forma, compressores de pulso, multiplexadores (WDM - "Wavelength Division Multiplexer"), filtros (FWDM -"Filter Wavelength Division Multiplexer", e BWDM - "Bandpass Wavelength Division Multiplexer"), selecionadores de sinais ópticos (ADOM - "Add/Drop Optical Module "), montagem de lasers em fibras ópticas, entre outros, também são bons exemplos de aplicações em telecomunicações. O projeto proposto também proporcionará o entendimento de vários fenômenos importantes relacionados, desde física básica até engenharia aplicada, incluindo-se os sistemas mais modernos utilizados comercialmente em telecomunicações e instrumentação. Além disso, a tecnologia de sensores que utilizam grades em fibras ópticas (aplicações interligando as grades de Bragg em fibras ópticas com técnicas instrumentais) já provaram ser uma ferramenta poderosa para medidas distribuídas de deformação mecânica e temperatura, com um considerável leque de aplicações práticas (na engenharia civil em construções de pontes, prédios, túneis, minas, etc; na engenharia mecânica em construções de estruturas, dispositivos, veículos terrestres, aeronáuticos e aeroespaciais, etc). As grades de Bragg em fibras ópticas também são candidatas naturais para aplicações em uma área que tem se desenvolvido com uma velocidade muito rápida, chamada de "Smart Structures" (Estruturas Inteligentes), a qual visa principalmente a obtenção de novos materiais e estruturas capazes de se auto-controlarem, em tempo real, mediante interferências externas a essas estruturas. Nessas aplicações, as fibras ópticas com grades de Bragg podem ser consideradas como os "nervos de vidro" desses novos materiais e estruturas. A especialidade dos grupos onde o projeto será realizado está bem relacionada ao desenvolvimento desta nova tecnologia e suas aplicações nos colocarão numa posição de destaque no panorama de mais uma área de pesquisa e desenvolvimento de ponta do país. (AU)