Busca avançada
Ano de início
Entree

Sociedades indígenas e suas fronteiras na região sudeste das Guianas

Processo: 95/00602-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de dezembro de 1995 - 30 de abril de 2003
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Etnologia Indígena
Pesquisador responsável:Dominique Tilkin Gallois
Beneficiário:Dominique Tilkin Gallois
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Auxílios(s) vinculado(s):02/07811-0 - Desafios e traduções da diferença cultural, AR.EXT
Bolsa(s) vinculada(s):02/08729-5 - Òs índios e a cabangem: üma revisão bibliográfica, BP.IC
00/14665-4 - Convívio e comunicação, BP.IC
00/12466-4 - Òs sanuma e o mundo animal: articulações entre natureza e cultura, BP.IC
+ mais bolsas vinculadas 99/08897-0 - Análise fonológica da língua Waiãpi, BP.MS
98/11005-1 - Aspectos da fonologia da língua Zo'é, BP.IC
97/14122-6 - A alteridade organizada, vivida e pensada entre òs Tiriyó, BP.DR
97/13605-3 - A relação sociedade e natureza no contexto do projeto temático: sociedades indígenas e suas fronteiras na região Sudeste das Guianas, BP.AP
97/12395-5 - Contato, discurso e restruturação do universo: uma aproximação ao xamanismo Yanomami, BP.IC
97/01411-0 - Próximos e distantes: estudo de um processo de descentralização e de (re)construção de relações sociais na região das Guianas, BP.MS
96/00040-5 - Territorialidade e representações do ambiente entre Zo'e/Pará, BP.MS - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Relações étnicas e raciais  Política indigenista  Fronteiras  Cultura indígena  Tradição oral 

Resumo

Este projeto de pesquisa temático integra e orienta a pesquisa etnológica e etnolinguística de uma equipe com 20 participantes, interessados em aprofundar e divulgar o conhecimento dos processos de contato inter-étnico em curso nas áreas indígenas do Amapá e do norte do Pará, assim como da Guiana Francesa e Suriname. Além de uma área de fronteira no sentido tradicional (geopolítica, histórica, econômica e étnica), a região sudeste das Guianas representa uma fronteira ideológica, palco de encontros inter-culturais de diversas naturezas, através dos quais se manifestam tanto as diferenças étnicas entre os povos indígenas e entre estes e as populações regionais, quanto à orientação diferenciada das políticas nacionais que incidem sobre estas populações. O objetivo central deste projeto temático é a investigação das situações de contato/encontro/confronto/assimilação naquela região, através do estudo de experiências especificas, que serão abordadas numa perspectiva comparativa. Visa contribuir à renovação dos estudos de contato inter-étnico, clássicos na etnologia brasileira, apoiando as investigações no conceito operacional de fronteira, que permite analisar fatores internos e externos, relevantes para a análise das relações entre povos indígenas e sociedades nacionais. A equipe do projeto estabeleceu um programa de atividades a serem desenvolvidas ao longo de 4 anos, tempo necessário ao desenvolvimento de pesquisas de campo, assim como para a discussão, tematização e divulgação dos resultados, a partir do Núcleo de História Indígena e do Indigenismo da USP. Por outro lado, este projeto temático se compromete realizar uma formação sistemática na área de Etnologia, integrando alunos de graduação, responsáveis pela realização de pesquisas em nível de iniciação científica. (AU)