Busca avançada
Ano de início
Entree

Padrões de frugivoria e dispersão de sementes de palmeiras na Mata Atlântica

Processo: 01/10300-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2002 - 31 de maio de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Mauro Galetti Rodrigues
Beneficiário:Mauro Galetti Rodrigues
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Assunto(s):Dispersão de sementes  Palmae  Fragmentos florestais  Predação  Animais frugívoros  Mamíferos silvestres 

Resumo

As síndromes de dispersão têm sido consideradas como respostas adaptativas das plantas moldadas pelos seus dispersores. Recentemente fatores filogenéticos e impedimentos evolutivos também têm sido apontados como processos importantes na morfologia dos frutos. Entre as famílias de plantas mais importantes para aves e mamíferos frugívoros estão as palmeiras (Palmae), entretanto ainda sabemos muito pouco sobre o sistema de dispersão de sementes da maioria das espécies Neotropicais.Os objetivos desse projeto são: (1) criar e analizar um banco de informações sobre a morfologia e dispersão de sementes das diferentes espécies de palmeiras utilizando-se de métodos comparativos; (2) através de estudos de casos, enfocando as espécies que ocorrem na Mata Atlântica, quantificar a fenologia, dispersão e predação dessas espécies e; (3) finalmente, avaliar as conseqüências da defaunação de mamíferos na dispersão e predação de sementes de palmeiras. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.