Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do efeito da taxa de solidificacao na resistencia a corrosao de aco inoxidavel martensitico em meio marinho.

Resumo

Este projeto visa estudar o efeito da taxa de solidificação na resistência à corrosão dos aços inoxidáveis martensíticos fundidos do tipo: DIN 14008 e ASTM A487 Gr CA-6NM, tanto no estado bruto de fusão como após os tratamentos de tempera, alívio de tensão e revenimento. O meio corrosivo a ser utilizado será o marinho sintético saturado com CO2, a temperatura ambiente, a 5ºC e a 80ºC, com variação do pH do meio, segundo a norma ASTM D-1141-90. Os ensaios de corrosão serão realizados utilizando a técnica de curva de polarização potenciodinâmica, para se obter os parâmetros eletroquímicos: potencial de pite, susceptibilidade ao pite e taxa de corrosão, segundo a norma ASTM G5-94 e G3-94. Os resultados a serem obtidos poderão contribuir de maneira significativa no entendimento e resolução de problemas vinculados ao controle da produção desses aços inoxidáveis, que são utilizados na construção de rotores de bombas para a exploração e extração de petróleo. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
N.A. MARIANO; J.P. MUROLO; V.F. PEREIRA; A.S.N. PALLONE; M.A.G. TOMMASELLI. Influência da taxa de resfriamento na corrosão em aço inoxidável fundido. MATERIA-RIO DE JANEIRO, v. 13, n. 2, p. 322-328, Jun. 2008.
ELOY STROBEL FILHO; ALEX PEREIRA DE LIMA; NEIDE APARECIDA MARIANO. Efeito do tratamento térmico na caracterização microestrutural e das propriedades mecânicas de um aço inoxidável martensítico do tipo 13Cr5Ni0,02C. Rem: Revista Escola de Minas, v. 60, n. 1, p. 123-127, Mar. 2007.
NEIDE APARECIDA MARIANO; AMANDIO DA CRUZ PIRES; JOÃO PAULO MUROLO; SEBASTIÃO ELIAS KURI. Avaliação da resistência à corrosão em aço inoxidável martensítico do tipo Cr-Ni em meio marinho sintético simulando atividades em águas profundas. Rem: Revista Escola de Minas, v. 59, n. 1, p. 135-139, Mar. 2006.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.