Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da glicose na bioconversão de xilose em silitol por Candida guilliermondii cultivada em hidrolisado de bagaço de cana-de-açúcar

Processo: 02/05167-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2002 - 30 de setembro de 2004
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia
Pesquisador responsável:Maria das Graças de Almeida Felipe
Beneficiário:Maria das Graças de Almeida Felipe
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química de Lorena (FAENQUIL). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). Lorena , SP, Brasil
Assunto(s):Glicose  Xilitol  Bagaço de cana-de-açúcar 

Resumo

O xilitol é um adoçante anticariogênico permitido para diabéticos e obesos, comercialmente produzido por via química a partir de resíduos lignocelulósicos. Pesquisas apontam o processo biotecnológico como uma alternativa para sua obtenção, a partir do bagaço de cana, empregando-se C. guilliermondii, levedura capaz de induzir as enzimas xilose redutase (XR) e xilitol desidrogenase (XDH), responsáveis por essa bioconversão. A glicose presente nos hidrolisados pode exercer efeito inibitório sobre estas enzimas em função da concentração em que se encontra no meio, o que resulta em baixa produtividade deste bioprocesso. O objetivo principal desta pesquisa é avaliar o efeito de glicose na bioconversão de xilose em xilitol durante fermentação em batelada de hidrolisado de bagaço de cana por C. guilliermondii. Será feito também estudo inicial de clonagem e caracterização do gene da XR, visando trabalhos futuros de modificação genética desta levedura para melhoria da produtividade de xilitol. (AU)