Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da ação do meio ambiente na durabilidade do concreto Projeto DURACON-Brasil

Processo: 02/06516-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2003 - 30 de abril de 2006
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Construção Civil
Pesquisador responsável:Maryangela Geimba de Lima
Beneficiário:Maryangela Geimba de Lima
Instituição-sede: Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). Ministério da Defesa (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Estruturas de concreto armado  Testes de dureza  Corrosão 

Resumo

Este projeto de pesquisa busca obter subsídios para realização da etapa brasileira do Projeto DURACON. O projeto referido visa caracterizar a durabilidade de concretos expostos em condições ambientais reinantes na Iberoamérica, utilizando prioritariamente as estações de ensaio do Projeto MICAT1. Tal caracterização será baseada na exposição de corpos-de-prova armados e não-armados, em ao menos, duas atmosferas distintas: uma marinha e uma urbana, em cada país iberoamericano participante. Definiram-se dois tipos de concreto, um com relação a/c = 0,65 e outro de relação a/c = 0,45. Os ensaios serão centrados principalmente na caracterização dos processos de carbonatação e penetração de cloretos no concreto. A variedade de climas que possui a Iberoamérica permitirá efetuar uma caracterização do comportamento do concreto armado. Toda esta informação permitirá, com a definição de modelos específicos, definir parâmetros de projeto para obras em concreto armado duráveis, e para reparar adequadamente as já existentes, reduzindo os custos devido ao fenômeno de corrosão das armaduras. A etapa brasileira do Projeto DURACON contará inicialmente com 4 estações distribuídas pelo território nacional. Como resultado do projeto serão definidos mapas de agressividade às estruturas de concreto armado, tendo em vista o fenômeno de corrosão das armaduras. (AU)