Busca avançada
Ano de início
Entree

Rede de Diversidade Genética de Vírus (RDGV)

Processo: 02/08462-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2003 - 31 de março de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Mirthes Ueda
Beneficiário:Mirthes Ueda
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo, SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):05/56462-6 - Rede de Diversidade Genética de Vírus - VGDN, BP.TT
05/56463-2 - Rede de Diversidade Genética de Vírus (VGDN), BP.TT
05/54191-5 - Rede de Diversidade Genética de Vírus (VGDN), BP.TT
03/02702-0 - Rede de Diversidade Genética de Vírus - RDGV/VGDN, BP.TT
03/02701-4 - Rede de Diversidade Genética Vírus - RDGV/VGDN, BP.TT
Assunto(s):Hepatite C  HIV  Diversidade genética  Epidemiologia molecular  Hantavirus 

Resumo

O presente projeto faz parte do Projeto Especial da FAPESP denominado "REDE DE DIVERSIDADE GENÉTICA DE VÍRUS". A VGDN tem como objetivo estabelecer uma Rede de Laboratórios de Pesquisa para desenvolver estudos sobre diversidade genética de vírus dentro do contexto de ciência aplicada. Visa, ainda, a implementação de laboratórios na área de epidemiologia molecular para tornarem capacitados para atender às questões atuais relevantes de Saúde Pública e atuar em situações de emergências, como no surgimento de doenças virais emergentes, de forma coordenada. O estabelecimento da REDE VGDN será relevante e apropriado para melhoria da ciência e tecnologia no Estado de São Paulo e proverá suporte à vigilância epidemiológica e ao controle de doenças virais de notificação compulsória e de interesse à Saúde Pública, principalmente de HIV-1, vírus da hepatite tipo C (HCV), vírus sincial respiratório (RSV ou VRS) e hantavirus. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LRA VAZ-DE-LIMA; MCO SOUZA; TK MATSUMOTO; MA HONG; MM SALGADO; ML BARBOSA; NS SATO; HI REQUEJO; CAF OLIVEIRA; R PECCHINI; E BEREZIN; SD PASSOS; C SCHVARTSMAN; A PASMANICK; EL DURIGON; M UEDA. Performance of indirect immunofluorescence assay, immunochromatography assay and reverse transcription-polymerase chain reaction for detecting human respiratory syncytial virus in nasopharyngeal aspirate samples. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz, v. 103, n. 5, p. 463-467, Ago. 2008.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.