Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da relação entre disfunção temporomandibular e Disfunção da Coluna Cervical por meio de imagens por ressonância magnética e radiografias convencionais

Processo: 02/13883-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2003 - 30 de novembro de 2005
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Radiologia Odontológica
Pesquisador responsável:Solange Maria de Almeida
Beneficiário:Solange Maria de Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Articulação temporomandibular  Ressonância magnética  Disfunção temporomandibular 

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo, verificar a relação entre disfunção temporomandibular e disfunção craniocervical. Para tanto, serão selecionados, mediante exame clínico, 60 indivíduos, dos quais 30 apresentando sintomatologia de disfunção temporomandibular e 30 indivíduos assintomáticos. O exame clínico constará da análise oclusal dos sujeitos da pesquisa, avaliação dos movimentos mandibulares, palpação dos músculos mastigatórios e do pescoço e auscultação da articulação temporomandibular (ATM). Em seguida, serão realizados exames de imagens por Ressonância Magnética da região da articulação temporomandibular, a fim de analisar a posição e função do disco articular, a posição da cabeça da mandíbula na fossa mandibular e a integridade dos componentes ósseos articulares. Outro exame por imagem constará de uma radiografia lateral da coluna cervical que será utilizada para analisar a posição do crânio em relação à coluna cervical, os espaços suboccipitais e a posição do osso hióide. Assim será verificada a interação desses fatores com a presença ou não de sinais referentes à disfunção temporomandibular observada nos exames por Ressonância Magnética. (AU)