Busca avançada
Ano de início
Entree

Incidencia de mutacoes em genes responsaveis pela deficiencia auditiva e correlacao da performance da fala em individuos submetidos ao implante coclear.

Resumo

A deficiência auditiva neurossensorial está presente em cerca de 1 em cada 1000 crianças, e em muitos casos é difícil estabelecer sua origem. A incorporação de métodos moleculares rápidos e precisos, assim como estudos epidemiológicos da prevalência de determinadas mutações, devem tornar a investigação e o desenvolvimento de pesquisas nessa área mais direcionada e homogênea com relação aos mecanismos envolvidos em distintas formas de surdez. A avaliação dos pacientes candidatos ao implante coclear é realizada por uma equipe multidisciplinar e considera tanto os fatores audiológicos como psicológicos e sociais do pacientes e sua família. Assim este projeto tem como objetivos principais averiguar a incidência de surdez genética nos indivíduos que tiveram a surdez diagnosticada supostamente como idiopática, a fim de esclarecer a etiologia, para aconselhamento genético e orientação familiar e correlacionar dos parâmetros que influenciam a uma melhor performance da fala em indivíduos adultos com implante coclear. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)