Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das sequências repetitivas presentes no genoma de Leporinus elongatus (Anostomidae, Characiformes)

Processo: 03/01107-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2003 - 31 de julho de 2005
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Patricia Pasquali Parise Maltempi
Beneficiário:Patricia Pasquali Parise Maltempi
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):DNA satélite  Sequências repetitivas de ácido nucleico  Peixes  Cromossomos sexuais  Leporinus  Heterocromatina 

Resumo

Vários estudos já realizados com o gênero Leporinus demonstraram que todas as espécies apresentam uma macroestrutura cariotípica bastante conservada, composta por 2n:54 cromossomos dos tipos meta e submetacentricos. Outra característica que faz do grupo um interessante modelo para estudos citotaxonômcios é a presença de um peculiar mecanismo de cromossomos sexuais ZW, onde o cromossomo Z é bem menor que o W, sendo este totalmente heterocromático. Considerando que os estudos sobre a natureza das seqüências satélites de DNA, componentes da chamada heterocromatina constitutiva, são extremamente escassos e limitados a uma ou a poucas espécies de alguns grupos de peixes, o presente projeto pretende analisar de forma extensiva a composição e a diversidade das seqüências satélites na espécie Leporinus elongatus. Pretende-se dar um maior enfoque aos possíveis DNAs satélites relacionados ao sexo, procurando utilizar os dados obtidos na elaboração de hipóteses sobre a evolução dessas seqüências genômicas em peixes, assim como no estabelecimento das relações evolutivas entre as espécies do grupo. O estudo das seqüências repetitivas, analisadas sob diferentes enfoques, fornece muitas informações que podem auxiliar o entendimento evolutivo e estrutural dessa porção representativa do genoma de eucariontes. Dessa forma, estudos no gênero Leporinus envolvendo seqüências repetitivas, podem contribuir para o entendimento da organização do genoma dos peixes, em particular no que se refere à heterocromatina e cromossomos sexuais (AU)