Busca avançada
Ano de início
Entree

Manifestações orais do lúpus eritematoso: avaliação clínica, histopatológica e perfil imuno-histoquímico dos componentes epitelial, membrana basal e resposta inflamatória

Processo: 03/04880-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2003 - 31 de outubro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Evandro Ararigboia Rivitti
Beneficiário:Evandro Ararigboia Rivitti
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Imuno-histoquímica 

Resumo

Lupus eritematoso (LE) é uma doença multisistêmica de caráter crônico inflamatório e auto-imune, cuja causa é desconhecida, representada pela produção de auto-anticorpos. As manifestações tegumentares estão entre as mais freqüentes, e, muitas vezes, o sistema tegumentar é o único afetado. Essas manifestações incluem lesões orais, que são de difícil diagnóstico clínico e histopatológico e, podem até ser fator preditivo do curso da doença. Em nossa experiência, lesões lúpicas exibem aspectos histológicos variados tanto no revestimento epitelial como na lâmina própria, incluindo alterações na maturação e proliferação do revestimento epitelial. Na tentativa compreendermos melhor as manifestações orais dessa doença, estudaremos seus aspectos clínicos e histopatológicos incluindo a caracterização das alterações epiteliais (maturação, proliferação e adesão celular) por meio da imuno-histoquímica. Pretendemos também avaliar a resposta inflamatória da lâmina própria, envolvida na patogênese da doença. (AU)