Busca avançada
Ano de início
Entree

Resistencia de uniao e limite de fadiga da interface de uniao entre resinas para reembasamento e resinas para base de protese. efeito do armazenamento em agua.

Resumo

Este estudo avaliará a resistência de união e o limite de fadiga na interface de união entre resinas para base de prótese resinas para reembasamento, bem como o efeito da imersão em água sabre estas propriedades. Para isso, amostras confeccionadas a partir de duas resinas termopolimerizáveis utilizadas para base de prótese (Lucitone 550 e Acron MC) serão reembasadas com duas resinas autopolimerizáveis para reembasamento imediato (Tokuso Rebase Fast e Ufi Gel Hard). Os corpos-de-prova de cada combinação material reembasador/resina para base serão avaliados sob 4 condições experimentais: C1 - armazenados em água por 30 dias; C2 - armazenados em água por 30 dias e ciciados mecanicamente; C3 - sem armazenamento em água e C4 - sem armazenamento em água e ciciados mecanicamente. Estes corpos-de-prova serão submetidos aos testes de cisalhamento para avaliação da resistência de união e ciclagem mecânica para avaliar-se o limite de fadiga. Será utilizada uma máquina para ensaios mecânicos MTS-810 e a análise do tipo de falha de união será realizada com o auxílio de microscópio eletrônico de varredura. (AU)