Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismos envolvidos na ação imunossupressora de PAS-1 (componente de Ascaris suum)

Processo: 03/12494-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2004 - 30 de junho de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia
Pesquisador responsável:Maria Fernanda de Macedo Soares
Beneficiário:Maria Fernanda de Macedo Soares
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ascaris suum  Linfócitos T reguladores  Imunorregulação  Citocinas  Helmintíase 

Resumo

As infecções por hemintos têm elevado potencial de modular o sistema imune do hospedeiro, tornando a interação parasita-hospedeiro bastante complexa. Desde a década de 80, temos caracterizado proteínas presentes no extrato bruto de vermes adultos de Ascaris suum, investigando as respostas imunomodulatórias por elas induzidas. Recentemente, produzimos anticorpos monoclonais contra os componentes desse parasita, que constituem ferramenta importante, principalmente na purificação e identificação destes fatores. Assim, isolamos e caracterizamos duas proteínas de vermes adultos, com atividades antagônicas sobre o sistema imune: (1) PAS-1, proteína de 200 kDa, que suprime a resposta imune humoral heteróloga, DTH e a resposta inflamatória induzida por LPS e (2) APAS-3, proteína alergênica de 29 kDa, que induz a produção de IgE, inflamação eosinofílica e hiperreatividade das vias aéreas em camundongos. Demonstramos também, que a proteína supressora PAS-1 está presente nos diferentes estágios larvais do parasita, sendo possivelmente a responsável pela inibição da resposta imune humoral heteróloga, observada durante a infecção murina experimental. Com relação aos mecanismos responsáveis pela imunossupressão induzida por PAS-1, embora em alguns modelos observamos que existe uma estimulação da produção de INF-g e conseqüente diminuição da resposta imune Th2, o fato de PAS-1 agir tanto sobre uma resposta Th1 (DTH) quanto Th2 (inflamação eosinofílica pulmonar) sugere mecanismos regulatórios mais amplos, embora específicos. O fato de que em nossos experimentos observamos também que PAS-1 induz elevada produção e secreção IL-10, sugere a participação de células Treg nos mecanismos inibitórios. Diante dessas prerrogativas, pretendemos investigar os mecanismos imunoregulatórios da proteína PAS-1 no modelo de inflamação alérgica pulmonar (induzida por APAS-3) e na infecção murina experimental por A. suum, avaliando a participação de células Treg e o envolvimento das citocinas IL-10, TGF-ß, IL-12 e IFN-g na modulação da resposta imune. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OSHIRO, T. M.; RAFAEL, A.; ESNOBE, C. S.; FERNANDES, I.; MACEDO-SOARES, MARIA FERNANDA. Comparison of different monoclonal antibodies against immunosuppressive proteins of Ascaris suum. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 37, n. 2, p. 223-226, Feb. 2004.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.