Busca avançada
Ano de início
Entree

Transplante de intestino ortotópico e síndrome de intestino curto: modelo experimental porcino comparativo

Processo: 03/13490-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2004 - 30 de setembro de 2007
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Alexandre Bakonyi Neto
Beneficiário:Alexandre Bakonyi Neto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Imunossupressão 

Resumo

O transplante intestinal tem sido utilizado atualmente cana modalidade terapêutica em pacientes com síndrome do intestino curto, ou seja, insuficiência intestinal irreversível causada após ressecções intestinais extensas por etiologias diversas. Foi só após o surgimento de nova droga imunossupressora, tacrolimus (FK 506), que os resultados tiveram grande melhora, aumentando o número de transplantes intestinais para insuficiência intestinal. Apesar disto, a morbi-mortalidade continua elevada em comparação aos transplantes de outros órgãos. Assim, os estudos experimentais pré-clínicos tornam-se essenciais para melhorar os resultados clínicos principalmente no que tange à imunossupressão ideal. O objetivo deste trabalho visa estudar em modelo experimental porcino, a evolução clínica e nutricional de grupos submetidos a ressecções extensas de intestino delgado (70- 80%) combinado ou não a transplante de intestino delgado isolado. Além disso, estudaremos a resposta clínica comparativa de grupos submetidos ou não à imunossupressão. (AU)