Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliacao das tecnicas "in tube" spme/hplc e sbse/hplc na analise de antidepressivos em amostras de plasma.

Resumo

O sistema "in-tube" SPME, foi recentemente desenvolvido para a microextração e pré-concentração de fármacos menos voláteis e termicamente instáveis. Utiliza um tubo capilar aberto de sílica fundida, com a superfície interna revestida com fase estacionaria, o qual tem sido acoplado em linha com o sistema HPLC. Permite automação do processo de extração, resultando em maior precisão e menor tempo de análise, quando comparado às técnicas "off-line". A extração por sorção em barra de agitação (SBSE) baseia-se na extração estática, através do polímero polidimetilsiloxano (PDMS), onde ocorre a dissolução (sorção, partição) do analito. Este trabalho tem como objetivo a padronização e validação dos métodos "in tube" SPME/HPLC e SBSE/HPLC na análise dos antidepressivos. amitriptilina e imipramina e seus respectivos metabólitos ativos nortriptilina e desipramina, citalopram, fluoxetina, fluvoxamina, paroxetina e sertralina, venlafaxina e milnacipram e a mirtazapina em amostras de plasma. (AU)