Busca avançada
Ano de início
Entree

Inovação em selante/adesivo/vedante de silicone copolimerizado Premium

Processo: 05/59954-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de maio de 2006 - 31 de março de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Tecnologia Química
Pesquisador responsável:Antonio José de Carvalho Amaral Martins
Beneficiário:Antonio José de Carvalho Amaral Martins
Empresa:A J Tecnologia e Indústria de Produtos Químicos e de Silicone Ltda. - EPP
Município: São Paulo
Bolsa(s) vinculada(s):06/51545-3 - Inovação em selante/adesivo/vedante de silicone copolimerizado "premium", BP.PIPE
Assunto(s):Polímeros (materiais)  Selantes (materiais)  Polímeros adesivos  Silicone  Inovações tecnológicas 

Resumo

A A.J. Tecnologia pretende comprovar a viabilidade técnica de produtos para adesivação e vedação feita a partir do copolímero do polidimetilsiloxano com poliglicóis ou poliuretano. Trata-se, portanto, de projeto de pesquisa inovador envolvendo o polímero de silicone (polidimetilsiloxano) em associação com outros polímeros de fabricação nacional. Silicones são polímeros inorgânicos com características especiais tais como excelente resistência química, elevada rigidez dielétrica, resistência a raios ultravioleta, estabilidade térmica mesmo sob variação intensa, inércia química. Neste projeto se pretende aproveitar as vantagens destas características em associação com as de outros polímeros. No que concerne aos poliglicóis salientam-se encorpamento, melhor deslizamento e brilho. Quanto à pesquisa envolvendo silicone e poliuretano busca-se uma possível pintabilidade. Para ambos os estudos tentar-se-á viabilizar a desodorização do produto formulado devido à copolimerização ou à simples mistura. Serão utilizadas matérias primas de fornecedores locais. Neste desenvolvimento faremos uso de polímero de silicone reativo em conjunto com polímero de silicone de alto peso molecular, assim como aditivos especiais à base de silício e estanho. Os equipamentos básicos a serem utilizados neste projeto serão buscados no mercado interno. Há exigências técnicas como uso de atmosfera inerte e vácuo, pois durante a formulação do produto poderá ocorrer sua vulcanização por condensação. O projeto prevê a pesquisa e futuro desenvolvimento de produtos de silicone para aplicações em adesivação, colagem e vedação, com características adequadas e específicas para aplicações tecnológicas. Exemplo disto é o que acontece com a área de refrigeração, na chamada 'linha branca', onde se buscam produtos que adesivem os novos materiais utilizados como substratos aqui no Brasil, com características dielétricas elevadas e de resistência às mais variadas temperaturas. Já na área de construção, onde o consumo de vedantes é ascendente historicamente, verifica-se uma carência de produtos mais específicos em suas características básicas, tais como cor e odor. Estes produtos atenderão também as áreas eletro-eletrônica, de manutenção industrial e de marca própria. Todos estes mercados mostram crescimento, porém o alvo principal será o relacionado a produtos para construção que significa um mercado que movimenta um valor superior a R$ 30 bilhões anualmente. Atingir comercialmente em princípio 0,33 % do mercado de selantes/adesivos/vedantes que equivale a cerca de 600 toneladas mensais com produto de alta qualidade e com uma tecnologia química arrojada é a meta após comprovada tecnicamente a viabilidade de formulações com estes copolímeros de silicone ou suas misturas. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.