Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos quimicos e biologicos de especies nativas brasileiras.

Resumo

No presente projeto propomos um estudo fitoquímico e a avaliação de atividades biológicas, tais como: tripanomicida, leishimanicida, antifúngica, antimicrobiana, antioxidante e outras, de espécies nativas brasileiras envolvendo vegetais pertencentes às famílias Asteraceae (Mikania e Acritopappus) e Cochlospermacea (Cochlospermum) Após coleta dos vegetais, estes serão secos, pulverizados e em seguida serão preparados os extratos brutos com solventes orgânicos em ordem crescente de polaridade. Estes por sua vez, serão fracionados por diferentes métodos cromatográficos, em função das quantidades de extratos disponíveis. As substâncias em misturas mais simples, serão purificadas por técnicas cromatográficas modernas e identificadas por métodos espectroscópicos (IV, EM, RMN-1H e de 13C). Com as substâncias puras e identificadas, será desenvolvida uma metodologia analítica de condições padronizadas em CG ou CLAE, conforme polaridade/volatilidade das mesmas. As informações químicas obtidas dos estudos fitoquímicos, incluem também, análises quantitativas de substâncias químicas envolvendo variações sazonais, populacionais, efeito da variação de nutrientes em solos em vegetais cultivados, etc... Com os extratos brutos e as substâncias químicas isoladas, em quantidades suficientes, serão realizados ensaios para avaliação de atividades biológicas em laboratórios, com os quais mantemos intercâmbio. Este projeto envolve cinco sub-projetos: três de Doutorado e dois de Iniciação Científica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)