Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismos de variabilidade genética em Magnaporthe grisea

Processo: 04/09738-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2004 - 31 de dezembro de 2006
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Alfredo Seiiti Urashima
Beneficiário:Alfredo Seiiti Urashima
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Variação genética  Mutação  Polimorfismo de fragmento de restrição  Doenças de plantas 

Resumo

Variedades resistentes é o método ideal de controle de doenças em muitas espécies vegetais de importância agrícola devido, entre outros fatores, ao baixo custo de produção, a eficiência que proporciona, a segurança ao meio ambiente. No entanto, a durabilidade dessa proteção não é permanente, o aparecimento de variantes patogênicas faz com que a vida útil das variedades resistentes seja curta, a duração vai ser em função do grau de variabilidade do patógeno. O presente trabalho visa estudar tópicos relacionados à variabilidade genética em Magnaporthe grisea, agente causal da brusone, empregando para tanto, as modernas técnicas moleculares. Mais especificamente, se propõe a examinar: a) o grau de diversidade da população de M. grisea que está atacando triticale h no Brasil; b) A existência (ou não) do fluxo de genes como um mecanismo de variabilidade desse fungo; c) Se a brusone do trigo não poderia ter se originado de uma mutação de M. grisea do arroz. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALFREDO SEIITI URASHIMA; SABRINA FERREIRA LEITE; RAFAEL GALBIERI. Eficiência da disseminação aérea em Pyricularia grisea. Summa Phytopathologica, v. 33, n. 3, p. 275-279, Set. 2007.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.