Busca avançada
Ano de início
Entree

Contribuicao ao diagnostico laboratorial e as acoes de vigilancia epidemiologica e sanitaria no controle das leishmanioses visceral e tegumentar em regioes endemicas do estado de sao paulo.

Resumo

As Leishmanioses caminham das regiões rurais para as urbanas. Este fato vem acontecendo com muita rapidez no Estado de São Paulo. O diagnóstico sorológico apresenta baixa sensibilidade. O presente projeto tem como objetivos: 1- a padronização da reação da polimerase em cadeia "PCR" para caracterização genotípica das três principais espécies de Leishmania no Brasil (L braziliensis, L. chagasi e L. amazonensis). 2- a caracterização por PCR das espécies de Leishmania predominantes em regiões endêmicas do Estado de São Paulo. 3- o monitoramento dos municípios considerados vulneráveis (junto ao Programa de LVA do Estado de São Paulo). 4- o estudo e caracterização de proteínas espécie-específica das três principais espécies de Leishmania visando aumentar a sensibilidade do diagnóstico imunológico. Estes dados poderão contribuir em parte na elucidação do diagnóstico e tratamento de pacientes; na identificação de reservatórios silvestres e domésticos; e finalmente, contribuir para o direcionamento das medidas de vigilância e controle da LTA e LVA no Estado de São Paulo (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GOMES‚ A.H.S.; ARMELIN‚ I.M.; MENON‚ S.Z.; PEREIRA-CHIOCCOLA‚ V.L. Leishmania (V.) braziliensis: detection by PCR in biopsies from patients with cutaneous leishmaniasis. Experimental Parasitology, v. 119, n. 3, p. 319-324, 2008.
GOMES‚ A.H.S.; FERREIRA‚ I.M.R.; LIMA‚ M.L.S.R.; CUNHA‚ E.A.; GARCIA‚ A.S.; ARAÚJO‚ M.F.L.; PEREIRA-CHIOCCOLA‚ V.L. PCR identification of Leishmania in diagnosis and control of canine leishmaniasis. Veterinary Parasitology, v. 144, n. 3, p. 234-241, 2007.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.