Busca avançada
Ano de início
Entree

Testosterona e modulação da geração de espécies reativas de oxigênio e nitrogênio no sistema cardiovascular

Processo: 04/13796-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2005 - 29 de fevereiro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Cardiorenal
Pesquisador responsável:Maria Helena Catelli de Carvalho
Beneficiário:Maria Helena Catelli de Carvalho
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Testosterona  Androgênios  Espécies de oxigênio reativas  Inflamação  Células endoteliais 

Resumo

Várias evidências indicam que tanto os andrógenos como os estrógenos desempenham, em ambos os sexos, papéis metabólicos gerais que não estão diretamente relacionados ao processo reprodutivo. Neste sentido, nossos estudos estarão direcionados a avaliar alguns dos efeitos dos andrógenos no sistema cardiovascular, testando a seguinte hipótese: A testosterona é capaz de induzir a formação de espécies reativas de oxigênio e nitrogênio e, conseqüentemente, estimular a expressão de moléculas pró-inflamatórias em células do sistema cardiovascular, seja pela modulação da atividade/expressão de enzimas e substâncias pró-oxidantes como anti-oxidantes. Os efeitos da testosterona sobre a geração de espécies reativas de oxigênio e nitrogênio e marcadores do processo inflamatório serão verificados inicialmente em células endoteliais e musculares lisas em cultura e, posteriormente, em tecidos vasculares provenientes de ratos, usando-se vários procedimentos experimentais (cirurgias/tratamentos animais, imunohistoquímica, RT-PCR. Western blot, microscopia intravital, EMSA). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TOSTES, RITA C.; CARNEIRO, FERNANDO S.; CARVALHO, MARIA HELENA C.; RECKELHOFF, JANE F. Reactive oxygen species: players in the cardiovascular effects of testosterone. AMERICAN JOURNAL OF PHYSIOLOGY-REGULATORY INTEGRATIVE AND COMPARATIVE PHYSIOLOGY, v. 310, n. 1, p. R1-R14, JAN 1 2016. Citações Web of Science: 14.
CHIGNALIA, ANDREIA Z.; OLIVEIRA, MARIA APARECIDA; DEBBAS, VICTOR; DULL, RANDAL O.; LAURINDO, FRANCISCO R. M.; TOUYZ, RHIAN M.; CARVALHO, MARIA HELENA C.; FORTES, ZULEICA B.; TOSTES, RITA C. Testosterone induces leucocyte migration by NADPH oxidase-driven ROS- and COX2-dependent mechanisms. Clinical Science, v. 129, n. 1, p. 39-48, JUL 2015. Citações Web of Science: 16.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.