Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das alterações fenotípicas funcionais e estruturais de fagócitos mononucleares induzidas por microambientes hipóxico e hiperbárico

Processo: 04/14092-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2005 - 30 de abril de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia
Pesquisador responsável:Selma Giorgio
Beneficiário:Selma Giorgio
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Anóxia  Leishmania  Células dendríticas  Oxigenação hiperbárica  Macrófagos 

Resumo

A diminuição da pressão parcial de oxigênio tecidual é característica de diversas patologias, entre elas, neoplasias e inflamações crônicas. Os estudos das alterações fenotípicas estruturais e funcionais de células mantidas em microambientes hipóxicos tem demonstrado que macrófagos, presentes em tecido lesados, adaptam-se a esta condição microambiental. Diversos mecanismos de resposta a hipóxia foram propostos, mas nenhum deles baseado em modelos experimentais de infecções. Nosso principal objetivo é contribuir para o entendimento do papel deletério e/ou terapêutico de diferentes tensões de oxigênio em infecções intracelulares. Nosso grupo, recentemente, demonstrou que lesões cutâneas murinas induzidas pelo parasita Leishmania amazonensis são hipóxicas e que macrófagos mantidos in vitro em hipóxia resistem parcialmente a proliferação do parasita. Neste projeto avaliaremos os mecanismos de resistencia destas células e outras possíveis alterações fenotípicas em macrófagos e cels. dendríticas.Também, alteraremos o microambiente lesional com oxigenação hiperbárica. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.