Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação comportamental em modelos de ansiedade e do status oxidativo de ratos submetidos ao nascer a separação materna

Processo: 04/14954-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2005 - 31 de outubro de 2006
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Neuropsicofarmacologia
Pesquisador responsável:Rita Mattei Persoli
Beneficiário:Rita Mattei Persoli
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Sistema nervoso central  Enzimas antioxidantes  Estresse oxidativo  Ansiedade 

Resumo

O estudo tem como objetivo verificar em ratos adultos, submetidos ao nascer ao estresse da separação materna, os possíveis efeitos sobre o comportamento, avaliados em dois modelos experimentais de ansiedade (Labirinto em cruz elevado e interação social) bem como sobre as possíveis influências no status oxidativo. Na avaliação bioquímica serão determinadas as atividades das enzimas superoxido dismutase; catalase e glutationa peroxidase. Os índices de estresse oxidativo (dosagem de ferro e de lipoperoxidação) serão também avaliados. Os aspectos neuroendócrinos serão determinados através da dosagem de cortisol plasmático. Este trabalho justifica-se uma vez que apenas os efeitos do estresse sobre as alterações do comportamento estão bem definidos sendo ainda poucos os estudos que correlacionam tal relação também ao status oxidativo. (AU)