Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das necessidades de pacinetes com transtornos mentais graves atendidos em centros comunitários de atenção psicossocial

Resumo

Problema: O processo de avaliação de serviço é complexo e envolve uma série de domínios. Neste projeto, baseado na nossa experiência de avaliação dos CAPS da cidade de Santos, optamos por estudar as necessidades do pacientes com transtorno mental grave. A opção pela medida de necessidades baseia-se na idéia de que o sistema de saúde, incluindo o de saúde mental, pressupõe uma estrutura instalada de assistência a qual potencialmente supriria as necessidades do usuário. Esta abordagem tem a vantagem de colocar a perspectiva do paciente sobre as suas dificuldades como aspecto central no processo de avaliação, o qual poderá auxiliar no planejamento e provimento de cuidados.Objetivo: estudar as necessidades dos pacientes com diagnóstico de esquizofrenia na rede de assistência à saúde mental da cidade de Santos.Método: um estudo de caso, tendo com objeto a rede de assistência à saúde mental, realizado em duas fases: (1) coleta de informações sobre o sistema de saúde do país, Estado e cidade, utilizando World Health Organization Assessment Instrument for Mental Health Systems (WHO-AIMS). (2) Avaliação da necessidade do paciente utilizando duas abordagens metodológicas: quantitativa e qualitativa. A quantitativa será realizada em amostra representativa de pacientes selecionados aleatoriamente entre os atendidos nos serviços atenção comunitária (Caps) no período de um ano anterior ao início do levantamento. Os instrumentos utilizados serão o de avaliação clínica (Life Chart Rating Form e Positive and Negative Symptom Scale - PANSS) e o de necessidades (Camberwell Assessment of Need - CAN). A abordagem qualitativa investigará o relacionamento do usuário com o sistema de saúde. Nossa proposta é realizar entrevistas em profundidade com os diversos atores envolvidos na assistência (familiares, acompanhantes, profissionais de saúde mental, técnicos administrativos e outros profissionais do serviço) e observação etnográfica do cotidiano dos serviços. O objetivo é compreender a maneira como estes três grupos avaliam o atendimento ao paciente com esquizofrenia, assim como possíveis limites do itinerário do paciente no sistema de saúde (incluindo o de saúde mental). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
REZENDE ANDRADE, MARIO CESAR; SLADE, MIKE; BANDEIRA, MARINA; EVANS-LACKO, SARA; MARTIN, DENISE; ANDREOLI, SERGIO BAXTER. Need for information in a representative sample of outpatients with schizophrenia disorders. INTERNATIONAL JOURNAL OF SOCIAL PSYCHIATRY, v. 64, n. 5, p. 476-481, . (06/00679-0)
REZENDE ANDRADE, MARIO CESAR; SLADE, MIKE; BANDEIRA, MARINA; EVANS-LACKO, SARA; KOMAROFF, JANINA; MARTIN, DENISE; MARI, JAIR DE JESUS; ANDREOLI, SERGIO BAXTER. Subjective distress in a representative sample of outpatients with psychotic disorders. Journal of Affective Disorders, v. 189, p. 220-223, . (06/00679-0)
SÉRGIO BAXTER ANDREOLI; NAOMAR ALMEIDA-FILHO; DENISE MARTIN; MÁRIO DINIS M L MATEUS; JAIR DE JESUS MARI. É a reforma psiquiátrica uma estratégia para reduzir o orçamento da saúde mental? O caso do Brasil. Revista Brasileira de Psiquiatria, v. 29, n. 1, p. 43-46, . (06/00679-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.