Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das interações entre macrófagos e carcinoma epidermóide bucal análise in vitro de polarização e invasão celular

Processo: 06/02077-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2006 - 30 de abril de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Cristiane Miranda Franca
Beneficiário:Cristiane Miranda Franca
Instituição-sede: Universidade Ibirapuera (UNIB). Campus Chácara Flora. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Patologia bucal  Neoplasias bucais  Carcinoma de células escamosas  Progressão da doença  Macrófagos  Células tumorais 

Resumo

A progressão tumoral é regulada em grande parte, pelas interações entre o estroma e a célula tumoral. A maioria dos tumores malignos contém numerosos macrófagos como o principal componente do infiltrado inflamatório crônico. Estes macrófagos são denominados 'macrófagos associados ao tumor' (MAT), e sua atividade pró-tumoral foi verificada em vários estudos. Os estudos da relação entre MAT e o carcinoma epidermóide bucal (CE) são recentes, e para iniciar o entendimento das interações entre células do carcinoma de boca e os macrófagos, nos propomos a responder: se células cultivadas do carcinoma epidermóde de boca polarizam monócitos em macrófagos tipo Th1 ou Th2 e se o contato dos macrófagos com células tumorais interfere no índice de invasão destas últimas. Para isso realizaremos ensaios funcionais in vitro de polarização de macrófagos humanos coletados de voluntários, estes macrófagos entrarão em contato com meio condicionado por células cultivadas de três linhagens comerciais de CE e sua polarização em Th1 ou Th2 será avaliada por ELISA. Posteriormente realizaremos estudos de invasão das células tumorais dispostas na parte superior de câmaras bipartite Transwell e na parte inferior colocaremos os produtos dos macrófagos e avaliaremos o índice de invasão tumoral as células de CE. Os resultados sofrerão tratamento estatístico por análise a ser definida. (AU)